Negócios e Empreendorismo

Maior rede de outsourcing mundial chega a Portugal

A Freelancer.com chega esta terça-feira ao mercado de trabalho português com a promessa de redução do desemprego e a ambição de criar 50 mil novos negócios, ao longo dos primeiros seis meses de atividade em Portugal.
Versão para impressão
A Freelancer.com chega esta terça-feira ao mercado de trabalho português com promessas de redução do desemprego em Portugal. A maior rede de outsourcing e de força de trabalho do mundo ambiciona criar 50 mil novos negócios ao longo dos primeiros seis meses de atividade no território nacional.
 
O lançamento da Freelancer.com pretende ajudar pequenas empresas que apresentam grandes dificuldades em enfrentar a atual conjuntura económica. Um dos objetivos desta plataforma digital passa por posicionar estes empresários no mercado atual, de forma a obterem melhores resultados na venda dos seus produtos e serviços através de uma rede global.
 
“Com a chegada de Freelancer.com a Portugal, os negócios e os freelancers portugueses têm a oportunidade de trabalhar com projetos de qualquer parte do globo”, explica Matt Barrie, criador e diretor executivo da empresa australiana, em comunicado enviado ao Boas Notícias.
 
Numa fase inicial, a implementação do projeto em Portugal visa a integração das empresas lusas no mercado online de língua portuguesa, através do lançamento da Freenlancer no Brasil. Até ao momento, esta comunidade conta com mais de 220 milhões de pessoas em todo o mundo.
 
Plataforma digital quer reduzir desemprego em Portugal
 
No mesmo comunicado, a empresa refere que “o espírito empreendedor e uma taxa de desemprego record” levaram a que a rede de e-commerce Freelancer.com viesse a Portugal para “facilitar como nunca a abertura de negócios e comércio à volta do mundo”.
 
Matt Barrie acredita que “o lançamento do site português da Freelancer vai trazer à economia portuguesa uma dinâmica significativa”, tendo em conta que esta plataforma “permite que os negócios portugueses tenham acesso ao mais vasto mercado online de força de trabalho e negócios”.
 
Criada em 2009, a empresa australiana já ajudou milhares de pessoas em todo o mundo “a começarem os seus negócios ao pô-las em contacto com os 7 milhões de utilizadores freelancer do site, que assim podem transformar ideias em negócios reais em apenas uma fração do custo”.
 
A empresa destaca a sua ação no Reino Unido, iniciada em 2011, em que se registou um “aumento record” na ordem dos 14% na área do autoemprego, tendo-se reduzido “drasticamente” a taxa de desemprego naquele país.

Clique AQUI para aceder à rede Freelancer.com.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close