Ambiente

Londres vai ter piscina pública biológica sem químicos

A freguesia de King's Cross, em Londres, inaugura nesta Primavera a primeira piscina pública do mundo que recorre apenas a algas e plantas para manter a qualidade da água.
Versão para impressão
A freguesia de King's Cross, em Londres, inaugura nesta Primavera a primeira piscina pública (ou melhor, o primeiro lago artificial) do mundo que recorre apenas a algas e plantas para manter a qualidade da água.

O projeto “Of Soil and Water: King’s Cross Pond Club” foi financiado pelo Departamento cultural da freguesia e foi concebido em conjunto pelos arquitetos do estúdio Ooze (Eva Pfannes e Sylvain Hartenberg) e pela artista Marjetica Potra, apresentando-se como uma instalação artística que combina arte com o bem-estar urbano.

Este lago artificial tem 40 metros de comprimento e pode receber até 100 banhistas em simultâneo. A água é totalmente livre de químicos já que é purificada através de algas e plantas com capacidades de filtragem, explica a página oficial do projeto.

“O mais importante é mostrar às pessoas que é possível conseguir com processos naturais os mesmo resultados que conseguimos com químicos”, explica Sylvain Hartenberg, um dos autores do projeto, no vídeo divulgado online.

Além da oferta de um novo espaço de lazer, a Pond Club tem prevista a realização de encontros e visitas guiadas para divulgar e discutir este tipo de soluções urbanas amigas do ambiente.
 
Notícia sugerida por André Luís e Maria Pandina

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close