Espetáculos e Exposições

Londres: “Os Maias” revisitados em palco

A Companhia de Teatro e Cinema Galleon, dirigida pela portuguesa Alice de Sousa, vai revisitar a partir desta terça-feira o livro "Os Maias" do escritor português Eça de Queirós.
Versão para impressão
A Companhia de Teatro e Cinema Galleon, dirigida pela portuguesa Alice de Sousa, vai revisitar a partir desta terça-feira o livro “Os Maias” do escritor português Eça de Queirós.

A obra de Queirós já tinha sido levada a cena pela companhia em 2002, com críticas positivas por parte da imprensa britânica. Radicada há cerca de 30 anos no Reino Unido, Alice de Sousa decidiu agora reescrever o texto e incluir a personagem de Afonso da Maia, para ser “mais leal” ao livro.

Além de ter adaptado o livro para o teatro, Alice de Sousa, que é diretora artística da companhia que fundou em 1988 com o marido Bruce Jamieson, também é produtora e atriz, mas o resto do elenco é britânico.

“Tenho tido muito cuidado para ter rigor na maneira como as personagens são representadas e se expressam e também criar algum rigor sobre Portugal no século XIX”, afirmou à agência Lusa.

A companhia Galleon tem sido responsável pela apresentação na capital britânica de peças de autores e temas portugueses na última década.

Além de autores portugueses, a companhia também levou ao palco clássicos britânicos e internacionais, como “King Lear”, “Richard III” e “Hamlet”, de Shakespeare, “Hedda Gabler” e “A Casa de Bonecas”, de Henrik Ibsen, ou “A Gaivota”, de Anton Chekhov.

A peça fica em cena até 03 de abril na Greewnich Playhouse, uma pequena sala por cima de um pub em Greenwich, no leste de Londres.

A produção terá uma parceria para promover a obra do escritor português com a editora Dedalus, que irá colocar um vídeo da peça na sua página de internet e vender o DVD da produção da Galleon.

Por outro lado, enquanto “Os Maias” estiverem em cena estará à venda no teatro a edição da obra em inglês, cuja tradução por Margaret Jull Costa foi premiada com o prémio Oxford Weidenfeld no Reino Unido e o prémio Pen Livro do Mês nos EUA, ambos em 2008.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close