Literatura

Livro: “A Nova Interpretação dos Sonhos”

Desde 1899, nenhum psicanalista fez novas propostas para as teorias de Freud sobre a interpretação dos sonhos. Um problema que o psicólogo Tobie Nathan tenta ultrapassar no livro "A Nova Interpretação dos Sonhos".
Versão para impressão
Desde 1899, nenhum psicanalista fez novas propostas para as teorias de Freud sobre a interpretação dos sonhos. Hoje em dia, a maioria dos investigadores que trabalham sobre os sonhos são neurocientistas que excluem a noção de interpretação. Um problema que o psicólogo Tobie Nathan tenta ultrapassar no livro “A Nova Interpretação dos Sonhos”.

Sem medo de enfrentar os cânones, Tobie Nathan, professor de Psicologia na Universidade de Paris-VIII e autor de vários livros, ousa uma “nova interpretação” das teorias defendidas por Freud na sua mítica obra “A Interpretação dos Sonhos”.

Recorrendo às mais recentes investigações no campo das neurociências e integrando também as leituras das mitologias grega, africana, judia e árabe, Tobie Nathan, vem assim refutar o legado do pai da psicanálise e constrói como que um guia interior para ajudar o explorador dos sonhos a devolver dignidade a esta dimensão tão crucial das nossas vidas.

Neste livro, editado pela Livros Horizontes, este especialista – considerado o pai da etnopsiquiatria – fornece as chaves que nos permitem compreender, por exemplo, como funciona um sonho, para que serve sonhar, qual a diferença entre um sonho e um pesadelo e como interpretar os sinais de alerta dos sonhos.

Algumas curiosidades sobre os sonhos:

O ser humano sonha, em média, durante 100 minutos por dia mas todos os animais de sangue quente sonham – mesmo os fetos dentro da barriga da mãe ou os pintainhos nos ovos.

A duração dos sonhos varia muito de espécie para espécie. Os pássaros têm sonhos de 10 a 15 segundos, já as vacas sonham cerca de 15 minutos por dia e os gatos chegam aos 200 minutos diários, tornando-se assim os campeões oníricos.

O sono ocupa um terço da nossa vida, e por sua vez 25% desse tempo é consagrado aos sonhos. Assim, uma pessoa com 60 anos passou cinco anos da sua vida a sonhar.

Clique AQUI para saber mais sobre esta obra.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close