Negócios e Empreendorismo

Lisboa entre as melhores cidades para contratar

Lisboa está entre as melhores cidades do mundo para recrutar, contratar e deslocar colaboradores. A capital portuguesa surge em 58º lugar numa lista de 131 cidades liderada por Nova Iorque.
Versão para impressão
Lisboa está entre as melhores cidades do mundo para recrutar, contratar e deslocar colaboradores. A capital portuguesa surge em 58º lugar numa lista de 131 cidades liderada por Nova Iorque, de acordo com o estudo People Risk Index 2012 elaborado pela consultoria de recursos humanos Aon Hewitt.
 
O estudo em questão, a que a agência Lusa teve acesso e que será lançado a nível mundial, avalia os riscos que as empresas correm com o recrutamento, emprego e deslocalização de funcionários tendo em conta fatores como a demografia, o acesso à educação, o desenvolvimento das capacidades, as práticas de emprego e a legislação dos respetivos países.
 
Embora tenha descido oito lugares no People Risk Index e apesar “da conjuntura económica que atualmente se verifica em Portugal, com as empresas e as famílias a debaterem-se com dificuldades e o desemprego a atingir índices muito elevados, Lisboa continua a ser uma cidade favorável para o estabelecimento de negócios”, considera Rui Silva, responsável da Aon Hewitt Portugal.
 
Segundo Rui Silva, os “baixos índices de violência, estabilidade política, boas infraestruturas ao nível de parques empresariais e um sistema educativo capaz de acompanhar a demanda de quadros técnicos qualificados” colocam Lisboa a par de cidades como Milão e acima de outras metrópoles como Roma, Atenas, Budapeste ou até Buenos Aires, São Paulo e Joanesburgo.
 
O estudo aponta que o principal fator de risco com que as empresas que queiram instalar-se na capital portuguesa terão de lidar é o envelhecimento da população e a redução do número de pessoas em idade ativa, um problema comum a outras cidades europeias.
 
No índice da Aon Hewitt, Lisboa aparece à frente de cidades como o Rio de Janeiro, ficando, porém, atrás de cidades como Madrid, Barcelona e Berlim. Os primeiros lugares são ocupados, além de Nova Iorque, por Toronto, Singapura, Montreal e Londres.
 
De acordo com a consultadoria, as cidades menos atrativas para os empregadores são Lagos (na Nigéria), Adis Abeba (na Etiópia), Bagdad (no Iraque), Saná (no Iémen) e Damasco (na Síria).

[Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close