Negócios e Empreendorismo

Leiria vai explorar energia das ondas em 2015

Além de Peniche, também São Pedro de Muel terá uma zona piloto para a produção de energia das ondas. Estudada e definida em 2008, esta zona deverá entrar em funcionamento em 2015.
Versão para impressão

Além de Peniche, também São Pedro de Muel terá uma zona piloto para a produção de energia das ondas. Estudada e definida em 2008, esta zona deverá entrar em funcionamento em 2015, avança a Agência Lusa.

A zona piloto foi criada ao largo da praia de São Pedro de Muel (Leiria), para promover a energia renovável das ondas, potenciando o seu desenvolvimento tecnológico e a sua comercialização.

Em declarações à Agência Lusa, Teresa Simas, do Centro de Energia das Ondas, explicou que faltam “essencialmente” infraestruturas para a zona piloto de São Pedro de Muel entrar em funcionamento.

“Estão a ser feitos os cálculos de engenharia para instalação do cabo e o plano é que em 2015 o cabo esteja instalado e a zona possa começar a ser usada”, acrescentou a coordenadora do Departamento de Ambiente daquela organização privada sem fins lucrativos.

De acordo com o site oficial do projeto, a zona onde serão instalados os equipamentos ocupa uma área marítima de 320 km2 em profundidades entre os 30 e os 90 metros e a uma distância de cerca de 8 km da costa. 
 
Potencial e desafios

Teresa Simas evidenciou também o potencial de Portugal no desenvolvimento da energia das ondas, nomeadamente em águas profundas: Portugal dispõe do recurso em toda a costa ocidental, tem águas profundas próximas da costa, bem como infraestruturas (portos e estaleiros), tendo também pontos de conexão à rede elétrica e boa capacidade de conhecimento técnico e científico.

No entanto, a investigadora apontou algumas barreiras nomeadamente a morosidade dos processos de licenciamento, a falta de financiamento, os conflitos de uso (pescas, atividades de lazer, rotas de navegação e áreas de uso militar), problemas ambientais e ainda a perceção negativa do público, seja por falta de informação, seja pela descrença no setor.

Neste momento, Portugal está muito perto de começar a produzir energia através das ondas, nos Estaleiros Navais de Peniche (ENP) que estão a concluir a construção de um outro projeto-piloto para criação de energia elétrica através das correntes marítimas. A inauguração está prevista para esta Primavera.

Clique AQUI para aceder ao site do projeto piloto.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close