i9magazine

Jovens Cientistas Portugueses participam no Swiss Talent Forum 2017

Versão para impressão

“Fomentar o empreendedorismo” é o mote desta edição da Swiss Talent Forum que reúne cerca de 70 jovens cientistas de toda a Europa para participar em palestras, workshops e responder a desafios colocados por empresas. Neste ano, são cinco as empresas que, representando diferentes indústrias, vão colocar desafios empresariais aos jovens do STF, para que estes encontrem as melhores soluções. Entrar num novo mercado, redefinir ofertas de produtos, proceder à mudança organizacional estratégica ou implementar uma mudança numa empresa, são alguns dos desafios que podem ser colocados. Aos jovens é pedido que respondam de forma inovadora e criativa, dando às empresas a melhor das soluções encontradas para cada um dos problemas.

Jovens Cientistas respondem a cinco desafios colocados por empresas:

Desafio 1: “Como é que o « SwissShrimp Club» pode inspirar os amantes de cozinha”

SwissShrimp é uma start-up suíça que atua na área da produção de camarão. Num país sem litoral, sem acesso a pesca marítima, a aquacultura acaba por ser uma indústria com elevado potencial. A SwissShrimp espera produzir 60 toneladas de camarão por ano e ser o principal fornecedor do mercado grossista e dos particulares através de entregas ao domicilio. Neste desafio a empresa procura a melhor solução para inspirar os apaixonados por cozinha, levando-os a apostar na entrega direta de camarão.

Desafio 2: “O que pode a Swiss Youth in Science Juvenil comunicar melhor com o público-alvo?”

A Swiss Youth in Science (SJf) organiza vários eventos para jovens interessados ​​em ciência e investigação. Atualmente a SJF comunica com os jovens através de meios clássicos como o site, redes sociais ou boletins de notícias. Contudo, as formas de comunicação tendem a desenvolver e os jovens têm hoje acesso a outras ferramentas de comunicação para se manterem conectados ao mundo. O que pode a Swiss Youth in Science Juvenil comunicar melhor com o público-alvo?

Desafio 3: “Como é que a Tibits pode fazer uso da transformação digital para interagir e conquistar os seus clientes?”

Três irmãos suíços criaram o Tibits, uma cadeia de buffets vegetarianos deliciosos e frescos: rápidos como um restaurante de fast food e acolhedores como o café de bairro. Atualmente o Tibits conta com oito restaurantes na Suíça e um no Reino Unido e espera abrir mais um em Londres, um parte francesa da Suíça e dois na parte alemã. Neste desafio a Tibits procura soluções específicas para, através de meios digitais, servir e comunicar melhor os seus clientes.

Desafio 4: “Como pode o Gryps crescer exponencialmente nos próximos cinco anos?”

O GRYPS é um portal de compras para PME na Suíça. Nele é possível encontrar desde um administrador de investimentos, até uma máquina de café ou um sistema de alarme para sua casa. A Gryps compila os serviços e apresenta três cotações de fornecedores adequados para as opções pretendidas. Esta é uma solução para pessoas que procuram serviços ou produtos e empresas que oferecem esses serviços e produtos. Neste desafio pedem-se novas ideias para a Gryps crescer em novos mercados ou com novas ofertas para clientes existentes.

Desafio 5: “Novas soluções de sensores para um mundo mais inteligente”

Sensirion é um fabricante líder de sensores de alta qualidade e soluções para a medição e controlo de humidade, fluxos de gás ou líquido. Fundada em 1998 como uma spin-off do Instituto Federal Suíço de Tecnologia (ETH) Zurique, a empresa possui instalações em todo o mundo e uma rede de distribuição contínua. O desafio lançado pela Sensirion passa por apresentar novas ideias para sensores e desenvolver um modelo de negócio para a introdução de novos sensores em novos mercados.

Para Ricardo Carvalho, Presidente Executivo da Fundação da Juventude “este tipo de iniciativas é altamente enriquecedor na medida em que “obriga” os jovens a assumir o papel de empreendedores, a encararem os desafios e até lidarem com a frustração. O STF tem como objetivo dar aos participantes ideias sobre futuras escolhas de carreira, oportunidades de aprendizagem e uma visão muito concreta daquilo que é a realidade empresarial”.

Consulte o site para qualquer dúvida adiciona em www.swiss-talent-forum.ch

O conteúdo Jovens Cientistas Portugueses participam no Swiss Talent Forum 2017 aparece primeiro em i9 magazine.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close