Sociedade

Jovem português apaixonado “à procura de Diana”

Ricardo Soares, um jovem português, diz ter, no passado dia 15 de Setembro, entre os milhares de pessoas que saíram à rua em Lisboa, conhecido "a rapariga da sua vida". O problema é que apenas sabe o seu primeiro nome.
Versão para impressão
Mesmo em tempos de protestos e manifestações há sempre espaço para o romance. Exemplo disso é Ricardo Soares, um jovem português que, no passado dia 15 de Setembro, entre os milhares de pessoas que saíram à rua em Lisboa, diz ter conhecido “a rapariga da sua vida”. O problema é que apenas sabe o seu primeiro nome e, ao ir embora, Diana deixou-o com um desafio: encontrá-la até meio do próximo mês.
 
É esta a paixão quase imediata por detrás do movimento “À Procura de Diana”, ao qual Ricardo Soares deu início para encontrar a amada e cuja página já conta, no Facebook, com mais de 18.000 gostos e outros tantos comentários, que vão desde mensagens de força e entusiasmo a elogios pelo espírito romântico do jovem, passando, claro, por algumas palavras em tom de brincadeira.
 
“No meio da multidão trocámos olhares e, com um gesto de lábios, ela disse: 'Apanha-me!' e fugiu por entre as pessoas. Fui atrás dela e segui-a até ao Jardim do Príncipe Real”, revela o jovem na página criada.
 
Sentados no banco de jardim, ambos conversaram até de madrugada. Antes de se despedir, porém, Diana apresentou-lhe um enigma em forma de proposta difícil de resolver. “Encontra-me até dia 14 de Outubro, dia em que volto para Paris, não te vou dizer mais nada sobre mim, nem apelido nem contactos”, disse-lhe. 


 
Desde então, o apaixonado pendurou cartazes por Lisboa, exibiu um grande lençol branco com letras azuis com o inevitável mote “À procura de Diana” em vários pontos da capital e distribuiu folhetos às pessoas por quem passava, dando a conhecer os seus propósitos e o que lhe vai no coração.
 
“Os dias passam cada vez mais devagar na esperança de encontrar este amor, sentir o perfume dela, ter o sorriso e os cabelos loiros novamente presentes”, confessa Ricardo Soares. Porém, garante, quer fazer “tudo” o que estiver ao alcance para encontrar a Diana.
 
Embora não tão radical, a história faz lembrar uma outra, divulgada pelo Boas Notícias, que veio a público recentemente e que mais parece saída de um filme de Hollywood: a de Sandy Crocker, um dentista de 34 anos, natural do Canadá, que atravessou o Atlântico para tentar encontrar uma mulher por quem se apaixonou à primeira vista quando estava de férias na Irlanda.
 
Em ambos os casos, é certo, as buscas não deram, por enquanto, quaisquer frutos: tanto Diana quanto a ruiva misteriosa por quem o canadiano tem procurado continuam sem dar sinais. Ainda assim, as duas histórias parecem estar a inspirar românticos um pouco por todo o mundo, fazendo crer que, mesmo em tempos de crise, o amor prevalece. 

Clique AQUI para aceder ao Facebook da página “À Procura de Diana”.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close