Cultura

José Guimarães é primeiro a expor no leste da China

O artista plástico português José Guimarães tornou-se no primeiro ocidental a expor as suas obras no leste da China, com uma exposição no museu Suzhou Jinji Lake Art Museum, na cidade de Suzhou, no fim-de-semana passado.
Versão para impressão
O artista plástico português José Guimarães tornou-se no primeiro ocidental a expor as suas obras no leste da China, com uma exposição no museu Suzhou Jinji Lake Art Museum, na cidade de Suzhou, no fim-de-semana passado.
 
Esta já é a terceira exposição do artista português, em apenas uma década, neste país asiático. A exposição intitula-se “Metropolis – Cities and Citizens” (Metrópolis – Cidades e Cidadãos) e estará patente até 21 de Novembro.
 
Em declarações à Lusa, José Guimarães explica que sente ” uma certa afinidade com esta região, que tem uma cultura muito antiga”, e acrescenta que  “num futuro próximo, a arte ocidental pode ter na China uma zona de implantação muito forte”.
 
O Shuzou Jinji Lake Art Museum caracteriza a obra do artista português como “uma magnificente osmose entre culturas” e afirma que José Guimarães tem  
“um método semelhante ao de um antropólogo, através do qual mergulha em diversas civilizações”.
 
O artista plástico, que iniciou a sua carreira na década de 1960, é um dos artistas portugueses contemporâneos mais viajados e tem obras espalhadas por museus de 15 países.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close