Em Destaque Gastronomia

José Avillez é primeiro português distinguido pela Academia Internacional da Gastronomia

A Academia Internacional de Gastronomia tem como objetivo promover as cozinhas nacionais e regionais.
Versão para impressão
O ‘chef’ José Avillez tornou-se o primeiro português a receber o prémio da Academia Internacional da Gastronomia, distinção que considerou que “ajudará a dar ainda mais visibilidade à cozinha portuguesa”.

Com este prémio, o mais importante atribuído por esta instituição internacional, com sede em França, Avillez junta-se a nomes da gastronomia mundial igualmente distinguidos, como Alain Ducasse (1993/2007), Ferran Adriá (1994), Massimo Bottura (2010), Joan Roca (2011), René Redzepi (2012/2013), Grant Achatz (2014) e Alex Atala (2015).

“Temos trabalhado com o objetivo de promover a gastronomia portuguesa no mundo e este prémio é um importante reconhecimento do caminho feito. Certamente ajudará a dar ainda mais visibilidade à cozinha portuguesa”, afirmou José Avillez.

O ‘chef’, com 38 anos, mostrou ainda a sua satisfação por se juntar a um grupo de ‘chefs’ onde disse encontrar “tanta das [suas] referências”.

José Avillez tem vários restaurantes em Lisboa e no Porto, entre os quais o Belcanto (na capital), com duas estrelas Michelin e considerado um dos cem melhores restaurantes do mundo pela publicação Restaurant Magazine.

Ao Beco – Cabaret Gourmet, Mini Bar, Bairro do Avillez, Cantinho do Avillez (em Lisboa e no Porto), Café Lisboa e Pizzaria Lisboa, Avillez adicionou recentemente três novos conceitos: Tasca Chic, Jacaré e Barra Cascabel, também na capital portuguesa.

A Academia Internacional de Gastronomia tem como objetivo promover as cozinhas nacionais e regionais e a sua herança cultural por todo o mundo, encorajando também a cozinha contemporânea e a criatividade.

Presente em todos os continentes, a Academia dedica-se à investigação sobre temas relacionados com a gastronomia e a nutrição, organizando iniciativas culturais, educativas e de regulação do setor.

Aposta também na investigação científica, demonstrando as qualidades específicas de alimentos e ingredientes oriundos de diferentes países e heranças culturais.

Anualmente, a Academia atribui quatro grandes prémios, sobre a Arte da Cozinha, a Cultura Gastronómica, a Ciência da Alimentação e a Arte da Sala, com o objetivo de distinguir o trabalho das personalidades e instituições mais relevantes no mundo da gastronomia e alimentação.

Lusa

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close