Mundo

Japão: Fuga de água radioativa foi travada

A fuga de água radioativa da central nuclear japonesa de Fukushima para o Oceano Pacífico foi travada esta quarta-feira, noticiou a agência Jiji, citando a empresa que gere a unidade, a Tepco.
Versão para impressão
[Fotografia: © Reuters]

A fuga de água radioativa da central nuclear japonesa de Fukushima para o Oceano Pacífico foi travada esta quarta-feira, noticiou a agência Jiji, citando a empresa que gere a unidade, a Tepco.

Funcionários da empresa descobriram na semana passada uma fenda de 20 centímetros no muro de uma vala situada próximo da orla marítima e ligada ao reator 2.

Uma quantidade significativa de água contaminada jorrou dia e noite, sem que os técnicos tivessem conseguido tapar a fissura, apesar de várias tentativas, nomeadamente com uma mistura de serradura de madeira, papel de jornal e polímero.

Na terça-feira, os funcionários decidiram fazer perfurações a montante para seguir os fluxos de água e injetar vidro líquido (silicato de sódio) no solo. Esta solução permitiu estancar a fuga hoje.

A contaminação decorrida até ao momento, fez com que a água do Oceano Pacífico registasse valores de radioatividade 7.5 milhões de vezes acima do normal, reporta o jornal britânico The Telegraph.

Ainda assim, as autoridades japonesas e especialistas em energia nuclear já ressalvaram que a contaminação não terá riscos para a população ou para o meio ambiente, uma vez que os níveis de radioatividade diluir-se-ão gradualmente.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close