Mundo

Inglaterra: Rottweilers salvam idosa de 80 anos

De Inglaterra chega-nos uma estória que contraria a má fama dos Rottweiler. No início do mês, uma idosa que tinha ficado presa, em estado debilitado, dentro do recinto de uma escola, em Inglaterra, foi socorrida por um grupo de cães desta raça.
Versão para impressão
De Inglaterra chega-nos uma estória que contraria a má fama dos Rottweiler. No início do mês, uma idosa que tinha ficado presa, em estado debilitado, dentro do recinto de uma escola, em Inglaterra, foi socorrida por um grupo de cães desta raça.  

Os donos dos animais levaram-nos para um passeio noturno, durante o qual foram soltos e se dirigiram à escola, perto do parque onde os cães costumam passear.

No local, os animais foram imediatamente ao encontro da idosa de 80 anos que estava atordoada e em silêncio no chão. Um dos membros da matilha começou a lamber a mulher mantendo-se ao lado dela até aparecer socorro, relata o jornal 'Express'.

Os donos dos cães perceberam que se passava algo uma vez que os seus cães nunca mais regressavam, pelo que foram ao encontro dos animais.

Na escola, encontraram “a cadela a lamber a senhora”. A octagenária, que vive perto da escola, foi assistida no hospital, uma vez que estava a entrar em hipotermia.

“Se o meu filho e o meu cunhado não tivessem passeado os cães aquela hora, o caso poderia ter sido muito diferente. Penso que talvez não tivesse sobrevivido”, explicou um elemento da família ao mesmo jornal.

“Os Rottweilers não são bem vistos, porque as pessoas pensam que são agressivos, mas eles podem ser muito protetores”, acrescentou a mesma fonte.

A senhora, de 80 anos, tinha entrado na escola por volta das 10 horas da manhã depois de ter saído do autocarro na paragem errada.

Notícia sugerida por Maria da Luz e Patrícia Guedes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close