Sociedade

INEM quer contratar 150 novos profissionais

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) quer acrescentar, já este ano, 150 novos profissionais aos seus quadros.
Versão para impressão
O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) quer acrescentar, já este ano, 150 novos profissionais aos seus quadros e prepara-se para contratar 70 trabalhadores para os serviços de atendimento das chamadas de emergência e para abrir um concurso para mais de 85 técnicos de emergência para as ambulâncias.
 
Embora garanta que o número de profissionais existente atualmente nos Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) é suficiente para que as chamadas sejam atendidas com uma rapidez “na casa dos segundos”, o INEM anunciou, em comunicado, que pretende reforçar o pessoal.
 
Além de ter iniciado uma formação junto dos Técnicos de Emergência (TE) para que também possam desempenhar funções nos CODU, o INEM está “novamente a encetar os mecanismos necessários para lançar um novo procedimento que permita a contratação de 70 novos profissionais” para estes centros.  
 
A estes trabalhadores deverão juntar-se 85 novos técnicos de emergência “para operar as ambulâncias do Instituto”, que, na mesma nota à imprensa, adianta já ter autorização da tutela para “abertura imediata de concurso externo” com vista à sua contratação sem termo. 
 
Atualmente, o Instituto Nacional de Emergência Médica conta com 185 Técnicos Operadores de Telecomunicações de Emergência (TOTE) e 770 técnicos de emergência nas suas ambulâncias.

Notícia sugerida por Patrícia Guedes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close