Sociedade

Idanha-a-Nova vai apoiar quem quer “mudar de vida”

A Câmara Municipal de Idanha-a-Nova prepara-se para lançar o programa "Recomeçar". A iniciativa vai apoiar quem quer mudar de vida e a atrair novos talentos para aquela região do interior e vai ser apresentada esta quarta-feira em Lisboa.
Versão para impressão
A Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, em Castelo Branco, prepara-se para lançar o programa “Recomeçar”. Trata-se de uma iniciativa destinada a apoiar quem quer mudar de vida e a atrair novos talentos para aquela região do interior e vai ser apresentada esta quarta-feira (25) em Lisboa. 
 
Em comunicado enviado ao Boas Notícias, a autarquia de Idanha explica que quer ser a “alternativa” à enorme concentração demográfica existente nos centros urbanos, que está a tornar-se “incomportável”, levando a um “descontentamento geral”, quer seja “pelo aumento do custo de vida, pelo distanciamento da Natureza ou pela crescente falta de segurança”.
 
Foi esta a razão que levou à conceção do programa “Recomeçar”, um “projeto ambicioso que vai posicionar Idanha como um município onde é possível conciliar o bem-estar e a proximidade da Natureza, com o empreendedorismo, a inovação e o profissionalismo”, acredita a Câmara.
 
O programa vai ser dividido em quatro pilares: o “Idanha Green Valley”, ligado ao conhecimento e à inovação na ruralidade e ao posicionamento mundial do território; o “Idanha Experimenta”, que vai dar aos interessados a oportunidade de experimentar a vida rural; o “Idanha Vive”, que vai criar condições especiais para quem vive ou quer viver na vila e, por fim, o “Idanha Made In”, que vai apoiar tudo o que é produzido localmente. 
 
Para Armindo Jacinto, presidente da Câmara de Idanha-a-Nova (um dos maiores municípios do país, com 1.400 quilómetros quadrados de extensão), aquela vila portuguesa é “uma terra de oportunidades, de qualidade de vida e de oferta cultural” e, no âmbito do programa, todos os que pensarem mudar-se para o município vão ter apoio personalizado. 
 
“Os seus projetos de vida, seja na área da educação, da habitação ou profissional e empresarial serão acompanhados de forma personalizada durante o tempo que for necessário até que haja sucesso no projeto de transferência”, promete o autarca, esclarecendo que a filosofia do programa é “ajudar” quem já vive em Idanha, quem quer mudar-se para a vila e quem abandonou a região e quer “regressar” a casa. 
 
“Queremos que aqui construam um projeto de vida familiar e profissional. Podem trazer as suas empresas, ou criá-las cá de raiz. Vamos criar oportunidades para a implementação de empresas na região, ao mesmo tempo que fomentamos a criação de emprego que outros poderão abraçar”, assegura Armindo Jacinto. 

Sessão de apresentação em Lisboa é aberta a todos
 

A apresentação oficial do programa “Recomeçar” vai ser feita pelo autarca de Idanha esta quarta-feira (25), em Lisboa, pelas 17.00h, no Instituto Superior de Agronomia e contará com o apoio da consultora internacional Bloom Consulting, responsável pelo projeto, e com a presença de um conjunto de pessoas que vão viajar até à capital para partilhar as suas histórias de sucesso.
 
Todos os interessados “em mudar de vida” estão convidados para a apresentação, durante a qual terão a oportunidade de se informar sobre os vários pilares da iniciativa, bem como contactar diretamente com as entidades responsáveis e os pioneiros – aqueles que já trocaram a vida na cidade por uma nova vida em Idanha. 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close