Saúde

Homem recupera após transplante duplo de braços

Um mexicano de 53 anos que, em 2012, recebeu um arriscado transplante de braços, terminou o seu período de recuperação com sucesso.
Versão para impressão
Um mexicano de 53 anos que, em 2012, recebeu um arriscado transplante de braços, terminou o seu período de recuperação com sucesso. Depois de uma intensa fisioterapia que se prolongou por quase dois anos, Gabriel Granados recuperou a maior parte dos movimentos dos braços e das duas mãos.

Há dois anos, no méxico, os médicos tiveram que amputar os dois braços de Gabriel Granados, a partir da zona do cotovelo, na sequência de queimaduras graves que sofreu enquanto no seu local de trabalho, como eletricista.

Em Maio de 2012, uma equipa médica do Instituto Nacional de Ciencias Médicas y Nutrición, liderada pelo cirurgião Martin Iglesias, arriscou em fazer um duplo transplante, recorrendo aos braços de um jovem de 34 anos, que tinha sido vítima de um tiroteio. A operação prolongou-se por 17 horas e envolveu uma equipa de 20 pessoas, incluindo cinco cirurgiões plásticos.

Esta foi uma cirurgia inédita na América do Sul e um dos raros transplantes duplos de membros a nível mundial. Desde a operação, Gabriel Granados tem estado internado e sujeito a intensa fisioterapia.

A semana passada, numa conferência de imprensa que contou com a presença de meios de comunicação internacionais, Granados revelou que já tem sensibilidade nas duas mãos e que se sente “fantástico”.

Na mesma conferência de imprensa, os médicos avançaram que Granados já recuperou 70 por cento dos movimentos e divulgaram um vídeo onde se vê o paciente a agarrar uma bola, a rodar um volante e a fazer outros gestos manuais sem qualquer assistência. Numa reportagem do canal norte-americano GNC Global News Channel é possível, inclusive, ver o homem a escrever o seu nome.

Na mesma conferência, o médico Martin Iglesias afirmou que Gabriel já pode fazer a sua vida do dia-a-dia, pelo que já teve alta para ir para casa junto da sua mulher e dos dois filhos. De acordo com o médico, há neste momento, no México, 23 pacientes que necessitam de um transplante semelhante, embora apenas seis tenham probabilidade de serem bem-sucedidos.

Notícia sugerida por Vítor Fernandes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close