Mundo

Homem acompanha filha de dador de coração ao altar

Arthur Thomas nunca conheceu Michael Stepien, mas desde 2006 - ano em que Michael foi assassinado - que carrega o seu coração ao peito. 10 anos mais tarde acabou por acompanhar a filha do seu dador até ao altar, a convite da noiva.
Versão para impressão
Arthur Thomas nunca conheceu Michael Stepien mas, desde 2006 (ano em que Michael foi assassinado), carrega o seu coração, literalmente, ao peito. Agora, 10 anos depois, a filha do homem que lhe salvou a vida convidou Arthur a acompanhá-la ao altar, no dia do seu casamento.

A pedido da filha de Michael, Thomas viajou de Nova Jérsia, nos Estados Unidos, até à Pensilvânia, para levar Jeni Stepien ao altar. O gesto inesperado comoveu familiares e amigos da noiva e chamou a atenção dos meios de comunicação.

A noiva disse à CBS que se sentiu "grata" por ter podido sentir a "presença" do seu pai neste dia, ainda que indiretamente: "Foi muito especial para nós”. Jeni Stepien casou-se com Paul Maenner no passado sábado, dia 7 de Agosto.

Quanto a Thomas, diz sentir-se honrado pelo convite. “Que maior honra pode alguém ter, do que acompanhar ao altar a filha do homem que lhe deu o seu coração? Não imagino uma honra maior”.


 
Notícia sugerida por António Resende

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close