Negócios e Empreendorismo

Grupo português dá prémio a todos os trabalhadores

O grupo Jerónimo Martins, detentor da cadeia de supermercados Pingo Doce, vai aumentar os salários dos seus trabalhadores e atribuir-lhes um prémio de 275 euros. O anúncio foi feito esta sexta feira pelo presidente da empresa, Alexandre Santos Soares
Versão para impressão
O grupo Jerónimo Martins, detentor da cadeia de supermercados Pingo Doce, vai aumentar os salários dos seus trabalhadores e atribuir-lhes um prémio de 275 euros. O anúncio foi feito esta sexta feira pelo presidente da empresa, Alexandre Santos Soares.

Ligado ao aumento da produtividade e bom desempenho do grupo – que aumentou os seus lucros em 40% no ano passado -, o prémio destina-se aos colaboradores das lojas, que representam 90% do total de colaboradores da Jerónimo Martins.

Quanto ao aumento salarial, ainda não estão definidos valores. Contudo, em declarações à agência Lusa, Alexandre Santos Soares garante que esses assuntos são previamente debatidos com os funcionários: “Discutimos sempre com as pessoas os salários”.

A Jerónimo Martins está a planear lançar novos negócios no estrangeiro, embora não revele ainda onde.

“Em 2011 vamos decidir qual o país, dos três, onde vamos investir”, afirmou o presidente da companhia.

O grupo está já instalado no mercado polaco há cerca de uma década, com a marca Biedronka, que representa, atualmente, mais de 60% dos seus negócios.

[Notícia sugerida pela utilizadora Helena Pinto]

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close