Sociedade

Governo quer responsabilizar abandono de idosos

O Governo quer adoptar medidas que responsabilizem as famílias que abandonem os idosos em lares, hospitais ou na própria casa. Para isso vai pedir a ajuda às instituições de solidariedade social, uma medida incluída no protocolo assinado com o setor
Versão para impressão
O Governo quer adoptar medidas que responsabilizem as famílias que abandonem os idosos em lares, hospitais ou na própria casa. Para isso vai pedir a ajuda às instituições de solidariedade social, uma medida incluída no protocolo assinado com o setor social.

O abandono de idosos nos hospitais, lares ou mesmo na própria casa tem sido um problema social cada vez mais frequente em Portugal. Para esse efeito, o Ministro da Solidariedade e Segurança Social, Mota Soares, anunciou que vão ser tomadas medidas que responsabilizem as famílias.

Perante os deputados das Comissões de Orçamento, Finanças e Administração Pública e da Segurança Social, o ministro Pedro Mota Soares apontou que o país tem um problema social que não tem conseguido resolver, que sendo um problema “recente” não resulta apenas “do difícil período financeiro” que o país atravessa.

O problema em causa, segundo o ministro, é o abandono de idosos nos hospitais, lares ou até na própria casa, e para o qual Mota Soares quer não só conhecer as causas, mas também encontrar soluções.

Para estudar esta questão, o ministro avança que irão contar com a ajuda de profissionais especializados como sociólogos, a classe médica, funcionários de instituições de solidariedade e ainda políticos e grupos parlamentares.

A medida está incluída no protocolo que foi assinado na semana passada entre o Ministério da Solidariedade e Segurança Social e o setor social.

“Queremos discutir medidas até de incidência legislativa que possam responsabilizar as famílias e nesse sentido vamos contar com contributos da CNIS [Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade], Misericórdias e Mutualidades”, salienta Mota Soares.

De recordar que este ano, é dedicado especialmente a esta temática tendo 2012 sido dedretado o Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e Solidariedade entre Gerações.

[Notícia sugerida por Diana Rodriguez]

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close