Sociedade

Governo aprova diploma que impede aumento da luz

Um diploma que impede o "aumento repentino e acentuado dos custos de eletricidade" foi aprovado esta quarta-feira em Conselho de Ministros.
Versão para impressão
Um diploma que impede o “aumento repentino e acentuado dos custos de eletricidade” foi aprovado esta quarta-feira em Conselho de Ministros.
 
Com este diploma, o executivo espera salvaguardar a saúde financeira de muitas famílias e empresas impedindo um aumento exacerbado no preço da fatura da luz.
 
De acordo com o comunicado do Conselho, esta medida “estabelece disposições tendentes a assegurar a estabilidade tarifária no período de implementação das medidas necessárias à sustentabilidade do Sistema Elétrico Nacional e à adequada repartição de custos e proveitos”.
 
Com este documento, o governo volta a implementar uma medida semelhante à que tomou em 2011, adiando por mais um ano o aumento dos custos da eletricidade.

Desta forma a divida tarifária do setor elétrico volta a aumentar, situando-se, neste momento nos 3 mil milhões de euros. 

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close