Sociedade

Fundo de 130 ME para Reabilitação Urbana

As candidaturas à iniciativa JESSICA, um fundo de participações no montante de 130 milhões de euros destinado à reabilitação urbana, estão abertas desde o dia 06 de novembro até 02 de dezembro.
Versão para impressão
As candidaturas à iniciativa JESSICA, um fundo de participações no montante de 130 milhões de euros destinado à reabilitação urbana, estão abertas desde o dia 06 de novembro até 02 de dezembro.

A iniciativa JESSICA, desenvolvida pela Comissão Europeia em conjunto com o Banco Europeu de Investimento (BEI), apresenta um novo mecanismo de engenharia financeira que desafia os Fundos de Desenvolvimento Urbano (FDUs) a agir enquanto veículos de financiamento reembolsável (sob a forma de participações no capital ou empréstimo) de investimentos em reabilitação urbana.

Os FDUs terão o papel de gerir os recursos disponíveis (130 milhões de euros) privilegiando o financiamento de projectos urbanos com impacto económico e de coesão social. A utilização destes instrumentos de engenharia financeira visa aumentar o impacto e a dimensão dos recursos disponibilizados.

Com a publicação no Jornal Oficial da União Europeia, da Call for Expression of Interest (http://www.eib.org/jessica/eoi/kb940.htm), é aberto o prazo para manifestação de interesse à participação neste novo modelo de investimento, que decorre até ao dia 2 de Dezembro.

Podem candidatar-se à constituição e gestão dos FDUs entidades públicas ou privadas em especial que tenham experiência na gestão de fundos, designadamente orientados para a regeneração urbana, que revelem experiência ou disponibilidade de cooperação com investidores privados ou com autoridades públicas, nomeadamente Municípios e estejam disponíveis para aplicar recursos próprios no Fundo de Desenvolvimento Urbano.

São privilegiados nesta call os projetos inseridos num plano integrado de desenvolvimento urbano sustentável que tenham como prioridades:

– Reabilitação e Regeneração Urbana em cidades de média/grande dimensão;
– Eficiência Energética e Energia Renovável em áreas urbanas;
– Revitalização Económica de áreas urbanas direccionada para PMEs inovadoras;
– Disseminação de Tecnologias de Informação e Comunicação em áreas urbanas incluindo banda larga e infra-estrutura sem-fios.

As entidades que forem pré-qualificadas poderão apresentar as suas propostas, sob a forma de um plano de negócio, até ao dia 7 de Fevereiro de 2011.

Estas propostas serão apreciadas pelo BEI, que submeterá a sua apreciação para decisão ao Comité de Investimento do Fundo de Participações JESSICA composto por representantes das entidades financiadoras (Direcção Geral do Tesouro e Finanças, Programa Operacional Valorização do Território e Programas Operacionais Regionais do Norte, do Centro, de Lisboa, do Alentejo e do Algarve).

[Notícia sugerida por Maria Estácio]

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close