i9magazine

Fundação Montepio premeia projetos científicos de apoio à vítima em Portugal 

Versão para impressão

O prémio, que se encontra na sua quarta edição, é atribuído anualmente a um trabalho não publicado que aborde as principais problemáticas da APAV, contribuindo de forma inequívoca para a melhoria de qualidade dos serviços de apoio à vítima em Portugal. Além do prémio monetário entregue ao vencedor (1500€), a Fundação Montepio suporta também as despesas relacionadas com a publicação da obra premiada.

“É com grande honra que a Fundação Montepio apoia o prémio de investigação da APAV. Todas as oportunidades para ajudar a desenvolver os métodos de apoio às vítimas e às suas famílias, garantindo um serviço de qualidade, gratuito e absolutamente confidencial, são louváveis e essenciais. O trabalho desenvolvido pela APAV é especialmente importante para milhares de cidadãos que, todos os dias, procuram ajuda profissional para superar momentos de grande angústia e sofrimento”, afirma Paula Guimarães, diretora da Fundação Montepio.

O Prémio APAV para a investigação está de acordo com as Linhas Estratégicas da Fundação, no apoio da dinamização da cidadania ativa através da participação cívica de organizações de Economia Social como a Associação Mutualista Montepio. As candidaturas, que podem inserir-se nas mais variadas áreas científicas, como Direito, Psicologia, Serviço Social, Sociologia, Criminologia, Vitimologia ou Pedagogia, entre muitas outras, e decorrem até 15 de setembro de 2018.

Os Prémios APAV 2017 atribuíram uma Menção Honrosa a Juliana Valquaresma pelo trabalho “Ciberstalking: Prevalência e estratégias de coping em estudantes do ensino secundário.

O conteúdo Fundação Montepio premeia projetos científicos de apoio à vítima em Portugal  aparece primeiro em i9 magazine.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close