Mundo

FMI aprova perdão da dívida ao Haiti

O Fundo Monetário Internacional (FMI) cancelou esta semana a dívida do Haiti e aprovou um novo programa de financiamento para três anos no valor de 60 milhões de dólares (46,7 milhões de euros) para apoiar a reconstrução e o crescimento económico do
Versão para impressão
O Fundo Monetário Internacional (FMI) cancelou esta semana a dívida do Haiti e aprovou um novo programa de financiamento para três anos no valor de 60 milhões de dólares (46,7 milhões de euros) para apoiar a reconstrução e o crescimento económico do país que foi devastado pelo terramoto em janeiro deste ano.

O FMI aprovou assim o “cancelamento completo” do passivo de 268 milhões de dólares que o Haiti tinha em dívida com a instituição que tem sede em Washington, nos EUA.

Citado em comunicado oficial, Dominique Strauss-Kahn, diretor do FMI apelou ainda aos países doadores para ajudarem na reconstrução da ilha. “Os doadores devem rapidamente começar a cumprir as suas promessas feitas ao Haiti. Assim que a reconstrução for acelerada, os padrões de vida melhorarão rapidamente e as tensões sociais acalmarão”.

A comunidade internacional prometeu numa reunião em março, em Nova Iorque, 9,9 mil milhões de dólares (7,7 mil milhões de euros) para ajudar o Haiti, dos quais 5,3 mil milhões (4 mil milhões de euros) a serem aplicados nos próximos 18 meses.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close