Cultura

Filmes portugueses fazem sucesso na Coreia do Sul

NULL
Versão para impressão
A edição deste ano do Festival Internacional de Cinema de Jeonju, na Coreia do Sul, dedicou parte da sua programação à filmografia portuguesa. De acordo com a organização, as salas encheram para ver as obras de realizadores como João Botelho e Rui Simões.

“As salas estiveram sempre cheias e os debates correram muito bem. Foi muito gratificante”, disse à agência Lusa o encarregado de Negócios da Embaixada de Portugal em Seul, Paulo Lopes Graça, estimando que mais de 5 mil pessoas tenham assistido a «obras emblemáticas da nossa cinematografia”.

O certame, que terminou no passado dia 06 de maio, exibiu ainda filmes de António Reis e Margarida Cordeiro, Paulo Rocha, Fernando Lopes, João César Monteiro, António Cunha Telles, João Tabarra e Manoel de Oliveira.

Num ano em que se celebra o 50º aniversário desde o estabelecimento das relações diplomáticas entre a Coreia do Sul e Portugal, aquele país asiático acolhe, a partir de quinta-feira, uma exposição de videoarte portuguesa, com quinze filmes de nove realizadores e instalações vídeo de quatro autores.

Até ao dia 31 de maio, estará patente na Universidade Coreana de Belas Artes, em Seul, a exposição “A Idade das Micro Viagens”, que reúne vídeos de Pedro Costa, Miguel Palma, Maria Lusitano e de João Tabarra.

A organização destes eventos é da responsabilidade da Embaixada de Portugal na Coreia do Sul, que conta com o apoio do Instituto Camões e da Cinemateca Portuguesa.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close