Inovação e Tecnologia

Exército dos EUA vai usar software português

NULL
Versão para impressão
Depois de uma longa pesquisa, o exército norte-americano escolheu o software da empresa portuguesa OutSystems para organizar os seus dados informáticos. A multinacional com sede em Lisboa desenvolve software para empresas e desde a sua criação, em 2001, já celebrou contratos com a Bacardi, Barclays, TNT, E.ON, fly.com e Siemens.

“Vocês têm a única solução possível para este problema”, disse, segundo a Lusa, o porta-voz do exército americano à empresa portuguesa. O diretor executivo da OutSystems, Paulo Rosado, garantiu que ficou surpreendido, mas acredita que o interesse também é resultado da postura da empresa cujo posicionamento é um dos “mais agressivos e mais inovadores”, disse à Lusa.

Esta é a primeira vez que um software português chega ao exército norte-americano. A escolha pela marca portuguesa residiu na ferramenta informática que a empresa está a desenvolver, a Agile Plataform. Este software já foi premiado internacionalmente e permite às empresas “desenvolver, alterar e atualizar redes de aplicações Web, 10,9 vezes mais rapidamente, do que qualquer outra”.

“Foi uma sorte provocada. A nossa máquina de marketing trabalha muito bem”, disse Paulo Rosado referindo-se ao contrato com a U.S. Army. Foi a própria organização que contratou a OutSystems, ao perceber que a empresa tinha a única solução possível para consolidar os centros de dados informáticos do exército.

“O que aconteceu foi que um dos departamentos fulcrais de informática dentro do Exército dos Estados Unidos estava à procura de uma solução que lhe permitisse fazer a consolidação de todos os ‘data centers’ do exército”, afirmou Paulo Rosado. O software Agile Plataform foi a solução encontrada.

Trata-se de uma ferramenta de programação rápida, que foi recentemente atualizada para a versão 6.0 e que conta já com mais de 20 mil instalações em empresas de 22 setores de atividade, informa a Lusa.

As suas vantagens estão sobretudo nos baixos custos de manutenção, mas não só. “O seu valor torna-se cada vez maior à medida que é utilizado. Os clientes mais antigos são aqueles que mais valor dão à plataforma. E aqueles que menos vontade têm de discutir connosco preços. Nunca dizem que é caro”, explica Paulo Rosado.

A OutSystem foi criada em 2001 e é uma empresa 100% portuguesa, apesar de estar espalhada pelo mundo. Emprega 140 pessoas, 30 das quais fora de Portugal. A curto prazo o objetivo é ultrapassar os 70% de faturação no mercado externo.

[Notícia sugerida por Raquel Baêta e Vitor Fernandes] 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close