Cultura

Évora recebe obras de arte do maior museu do mundo

Portugal prepara-se para receber uma exposição inédita, com obras do maior museu de arte e tecnologia do mundo, o ZKM - Center of Art and Media Karsruhe, na Alemanha. Pelo nome 'Inter[in]venção', o evento terá lugar no Fórum Eugénio de Almeia, em Évo
Versão para impressão
Portugal prepara-se para receber uma exposição inédita, com obras do maior museu de arte e tecnologia do mundo, o ZKM – Center of Art and Media Karsruhe, na Alemanha. Pelo nome 'Inter[in]venção', o evento terá lugar no Fórum Eugénio de Almeia, em Évora, e irá contar com alguns dos maiores nomes da arte contemporânea.
 
Naquela que é a primeira vez que a Península Ibérica recebe obras da coleção do conceituado museu alemão, a exposição vai contar com 'masterpieces' de artistas de relevo como Nam June Paik, um dos pioneiros da 'media art', e ainda 33 peças de 39 artistas de renome internacional, como Bruce Nauman, Marina Abramovic, Bill Viola, Christa Sommerer & Laurent Mignonneau, Paul Sermon, Tony Oursler, Peter Weibel, Masaki Fujihata, Valie Export, Pipilotti Rist, Paul Garrin, Robert Wilson, entre outros.
 
Célebre por ser a mais significativa do mundo dentro da sua especialidade, a coleção do ZKM – Center for Art and Media Karlruhe oferece um panorama completo da história da arte e tecnologia desde a década de 1960 até à atualidade. No caso específico da exposição 'Inter[in]venção', a mesma irá destacar a arte interativa e motivar o público a estabelecer um diálogo participativo com as obras, deixando de ser um mero observador passivo.
 
Em comunicado enviado ao Boas Notícias, a organização avança que o campo de formatos das obras abarca a videoescultura, videoarte, videoperformance, videoinstalação, instalação audiovisual, instalação interativa e instalação sonora interativa. 
 
Os focos temáticos centrais da exposição recaem sobre os dois conceitos patentes no título da exposição, intervenção e invenção, com destaque para a associação entre os significados etimológicos dos termos e o tipo de obra exibida: o prefixo “inter” (entre) expressa uma posição de mediação, enquanto “in” exprime um movimento para o interior, uma atuação dentro – [in] – da obra. 
 
Invenção é a faculdade de criar e descobrir, mas também o ato de imaginar “virtualidades”, característica própria de muitas das obras expostas. Intervenção é um conceito amplamente utilizado no campo da arte contemporânea na aceção de interferência, manipulação e interação entre obra e público. 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close