Sociedade

EUA vão oferecer estágios a alunos portugueses

Vai ser lançado, no próximo ano, um programa que dará aos alunos portugueses do ensino superior a oportunidade de realizar um estágio de quatro semanas nos EUA.
Versão para impressão
Vai ser lançado, no próximo ano, um programa que dará aos alunos portugueses do ensino superior a oportunidade de realizar um estágio de quatro semanas nos EUA. A iniciativa é da responsabilidade da associação de estudantes e investigadores portugueses nos Estados Unidos (PAPS).
 
Os estágios do programa “PAPS Summer” vão realizar-se entre Julho e Setembro de 2015 e as bolsas concedidas vão suportar os custos de deslocação, alojamento e a estadia dos estudantes no decurso da realização do estágio, prevendo-se o anúncio do número final de bolsas a atribuir a alunos de licenciatura e mestrado para Março ou Abril.
 
Em declarações à Lusa, Ana Margarida Almeida, uma das responsáveis da PAPS, disse que “o objetivo [do programa]” não passa só por levar “alunos portugueses a estagiar nos EUA, mas também aproximar os membros da PAPS de Portugal”. 
 
“Sentimos que esta é uma oportunidade única para as duas partes e esperamos que esta seja só a primeira ediçãod e um programa de estágios único que veio para ficar”, explicou Ana Margarida Almeida. 
 
De acordo com a consultora, a PAPS está, atualmente, em contacto com várias entidades governamentais e privadas para estabelecer parcerias e apoio financeiro para a realização dos estágios, o que vai determinar o número de bolsas a atribuir. 
 
“Os alunos poderão fazer parte de uma universidade ou empresa de renome mundial, o que poderá abrir portas para o seu futuro, seja num doutoramento ou mais focado no empreendedorismo”, esclareceu Ana Margarida Almeida. 
 
A primeira fase de candidaturas está, neste momento, a decorrer, encontrando-se aberta até 31 de Janeiro. No decurso da primeira fase, os membros da PAPS que queiram ser mentores dos projetos de estágio devem candidatar-se. 
 
Num segundo momento, que acontecerá entre Março e Abril, os estudantes portugueses de licenciatura ou mestrado poderão escolher de entre os projectos aprovados na fase inicial, informou a responsável. 
 
“Seguir-se-á um processo rigoroso de seleção, dado o grande número de candidaturas esperadas”, acrescentou Ana Margarida Almeida, explicando que os critérios para a escolha dos estagiários incluirão o currículo dos candidatos, a carta de motivação e o desempenho na entrevista.
 
O “PAPS Summer” baseia-se no sucesso de um projeco semelhante da associação PARSUK, que acontece no Reino Unido desde 2013 e contou este ano com cerca de 250 candidaturas.
 
A PAPS (sigla em inglês para Portuguese American Post-gGaduate Society) existe desde 1998 e, com cerca de 1.000 membros, procura desenvolver as relações entre a comunidade de estudantes e investigadores portugueses nos EUA e a sociedade norte-americana.

Os interessados podem solicitar mais informações sobre o programa através do e-mail papsummer@papsonline.org

Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close