Saúde

EUA: Medicamento trava evolução do cancro da mama

Em São Diego, nos EUA, uma equipa de investigadores criou um medicamento capaz de travar a evolução do cancro da mama. Quando administrado juntamente com outro medicamento contra o cancro, o novo agente impediu que o tumor avançasse durante um períod
Versão para impressão
Em São Diego, nos EUA, uma equipa de investigadores criou um medicamento capaz de travar a evolução do cancro da mama. Quando administrado juntamente com outro medicamento contra o cancro, o novo agente impediu que o tumor avançasse durante um período de 20 meses.
 
O estudo foi levado a cabo pela Associação Americana de Pesquisa sobre Cancro e divulgado este fim-de-semana numa conferência desta entidade, na Califórnia. O mesmo contou com a participação de 165 mulheres e deu conta da ação do 'palbociclib' contra proteínas como a CDK4 e 6. 
 
Ao combater estes componentes – responsáveis pela divisão das células cancerígenas e consequente crescimento do tumor -, o novo medicamento está a travar a evolução do tumor. A inibição pode, inclusive, ir até às 20 semanas, caso o agente seja administrado em conjunto com outro medicamento contra o cancro (leprozol).  
 
Por seu lado, as pacientes que apenas administravam leprozol, conseguem apenas uma resistência máxima de 10 semanas. “O palbociclib pode ser um avanço determinante para o tratamento de mulheres com este tipo de cancro”, refere Mace Rothenberg, coordenador da investigação, em comunicado. 
 
O especialista acrescenta que o novo tratamento pode vir a ajudar cerca de 80% das mulheres com cancro da mama hormonosensível (o mais comum).
 
A Pfizer, gigante de farmacêutica responsável pela investigação, espera agora pelo aval da Food and Drugs Administratio, autoridade norte-americana que licencia a comercialização de todos os fármaco. 

Saiba mais AQUI.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close