Ambiente

Espanha: Vigo proíbe circos com animais selvagens

A autarquia de Vigo, em Espanha, proibiu a concessão de licenças para espetáculos circenses que incluam animais selvagens em cativeiro.
Versão para impressão
A autarquia de Vigo, em Espanha, proibiu a concessão de licenças para espetáculos circenses que incluam animais selvagens em cativeiro. O anúncio foi feito pelo presidente da câmara para quem a utilização destes animais é “deplorável” e “repugnante”.

por Sueli Fontes (da redação da ANDA)
 
Abel Caballero afirmou publicamente que se trata de uma “demanda pela dignidade” de toda a cidade que “não pode tolerar”, disse, “circos com animais enjaulados”, onde acontecem “maus tratos” e onde se verificam condições higiénicas “lamentáveis” para os animais.

O autarca garantiu que a equipa do Governo trabalhou nesta questão durante mais de dois meses e que a medida entrou em vigor na semana passada, quando foi negada uma solicitação de instalação de um circo na cidade por usar animais selvagens.

 
A ONG Amigos da Terra felicitou a autarquia pela sua decisão, que qualificou de “excelente notícia”, e elogiou as palavras do autarca sobre a “profunda repugnância” que sente ao contemplar estes animais mantidos em “condições antinaturais” e em “espaços insalubres”, “condenados à prisão perpétua”.
 
A associação ambientalista salienta em comunicado que Vigo é o nono município da comunidade autónoma da Galiza que adota essa decisão, mas o facto de ser a maior cidade da Galiza dá à mesma “um caráter exemplar” que, espera, sirva de “motor” e se estenda por toda a comunidade autónoma.

__________________________________________________________
Esta é uma notícia fornecida pela 
Agência de Notícias de Direito Animal, a parceira do Boas Notícias para assuntos relacionados com o mundo animal.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close