Cultura

Escola da ONU quer reforçar ensino do português

O Instituto Camões e a Escola Internacional das Nações Unidas (UNIS, na sigla em inglês) estão em contactos para prolongar e reforçar o ensino da Língua Portuguesa naquela instituição de ensino, noticia a agência Lusa.
Versão para impressão
O Instituto Camões e a Escola Internacional das Nações Unidas (UNIS, na sigla em inglês) estão em contactos para prolongar e reforçar o ensino da Língua Portuguesa naquela instituição de ensino, noticia a agência Lusa.

Frequentada sobretudo por filhos de diplomatas da ONU, além de outros estrangeiros e norte-americanos, a escola, localizada em Nova Iorque, oferece desde fevereiro aulas de português, com o apoio do Instituto Camões a cerca de dezena e meia de alunos, sobretudo portugueses e brasileiros.

“O protocolo tem de ser estabelecido entre as duas partes interessadas e o conteúdo ainda vai ser objeto de negociação. Aguardo orientações da tutela para darmos continuidade”, disse à Lusa Fernanda Costa, coordenadora do ensino do português nos Estados Unidos.

[Notícia sugerida pelo utilizador Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close