Saúde

Esclerose múltipla: Aprovado 1º medicamento oral

A autoridade reguladora do medicamento nos Estados Unidos (FDA, na sigla em inglês) aprovou o primeiro fármaco oral para o tratamento dos sintomas da esclerose múltipla, uma doença degenerativa do sistema nervoso que até ao momento tem sido tratada c
Versão para impressão
A autoridade reguladora do medicamento nos Estados Unidos (FDA, na sigla em inglês) aprovou o primeiro fármaco oral para o tratamento dos sintomas da esclerose múltipla, uma doença degenerativa do sistema nervoso que até ao momento tem sido tratada com injetáveis.

O medicamento produzido pela farmacêutica Novartis denomina-se Gilenya e visa reduzir as recaídas em doentes com esclerose múltipla que experimentam sintomas como desequilíbrio, espasmos musculares e outros problemas motores.

“O Gilenya é o primeiro fármaco oral capaz de retardar o progresso da doença, reduzindo a frequência e a gravidade dos sintomas da esclerose múltipla, assumindo-se como uma alternativa às terapias injetáveis”, explicou Russell Katz, responsável da FDA, num comunicado citado pela AFP.

Estima-se que a esclerose múltipla afete 2,5 milhões de pessoas em todo o mundo. os seus sintomas podem variar drasticamente de indivíduo para indivíduo e as suas causas ainda não foram apuradas pelos investigadores, embora estes acreditem que se trata de uma doença autoimune, condicionada por fatores genéticos e ambientais.

O diretor-geral de desenvolvimento de produto da Novartis, Trevor Mundel, afirmou que a farmacêutica está “ativamente empenhada em conseguir a aprovação [do novo fármaco] na Europa e no resto do mundo”.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close