Saúde

Epilepsia: sistema de alerta para ataques em teste

Um sistema que emite alertas a pacientes epiléticos antes de terem um ataque está a ser testado por uma equipa médica australiana. O dispositivo é implantado no peito dos pacientes e funciona a partir de sensores elétricos.
Versão para impressão
Um sistema que emite alertas a pacientes epiléticos antes de terem um ataque está a ser testado por uma equipa médica australiana. O dispositivo é implantado no peito dos pacientes e funciona a partir de sensores elétricos.

Os elétrodos instalados dentro do crânio do paciente comunicam quaisquer mudanças na atividade elétrica do cérebro ao dispositivo no peito. Assim, espera-se que o aviso do dispostivo dê tempo suficiente ao paciente para se medicar ou alertar amigos e família.

A primeira pessoa a testar a nova técnica é o australiano Jason Dent, de 26 anos. Dent sofre de uma forma grave de epilepsia que não pode ser controlada com remédios ou procedimentos cirúrgicos.

Em declarações à BBC, Mark Cook, um dos investigadores do Melbourne St. Vincent Hospital, em Melbourne, afirma que o funcionamento do sistema representará um “avanço impressionante”. “Nunca imaginámos que seríamos capazes de prever ataques epiléticos desta forma”, acrescentou.

A companhia americana responsável pelo desenvolvimento do novo sistema espera que este esteja disponível no mercado dentro de cinco anos.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close