Negócios e Empreendorismo

Empreendedorismo português premiado no México

Quatro estudantes portugueses conquistaram, recentemente, um prémio de empreendedorismo no México. Os jovens foram distinguidos graças a uma solução de mobilidade elétrica para aplicação em veículos de transporte de cargas refrigeradas.
Versão para impressão
Quatro estudantes portugueses da Universidade do Porto conquistaram, recentemente, um prémio de empreendedorismo no México. Os jovens foram distinguidos pelo projeto “We Truck”, uma solução de mobilidade elétrica para aplicação em veículos de transporte de cargas refrigeradas.
 
De acordo com um comunicado enviado ao Boas Notícias, o projeto português foi considerado o segundo melhor modelo de negócio a concurso na competição “RedEmprendiaSpin2014”, um encontro internacional de empreendedorismo universitário. 
 
O “We Truck – Empower Trucks” foi desenvolvido por Rodrigo Pires, Bruno Azevedo, Miguel Sousa e Ricardo Soares, todos eles licenciados em Engenharia Eletrotécnica pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.
 
Os estudantes procuraram contornar o facto de os veículos de transporte de cargas refrigeradas terem “níveis de consumo de combustível muito elevados, emissões de CO2, custos de manutenção e ruído”, criando, para esse efeito, um 'kit elétrico portátil' capaz de “recuperar, produzir e armazenar energia elétrica”.
 
Esta energia é fornecida “a sistemas complementares e como apoio na tração do veículo quando necessário”, explicam os mentores da ideia, que já tinha sido a grande vencedora da edição de 2014 do concurso de empreendedorismo IUP25K, desenvolvido em parceria pela Universidade do Porto e o Banco Santander Totta. 
 
Graças ao projeto, a equipa portuguesa conquistou, no México, um prémio pecuniário e em serviços de incubação e 'mentoring' no valor de 15.000 euros, recebendo, também, um convite para ir apresentar a ideia naquele país.
 
O “RedEmprendiaSpin” é, todos os anos, o principal evento de empreendedorismo universitário da Ibero-América, dividindo-se em duas categorias: a “IDEup”, onde os estudantes devem apresentar as melhores ideias, e a “Model2Market”, onde devem ser dados a conhecer os melhores modelos de negócio.
 
O “WeTruck” esteve a concurso nesta segunda categoria, que procura ajudar os empreendedores universitários a darem o salto da universidade para a empresa. 
 
A categoria “Model2Market” teve 20 finalistas da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Espanha, México, Perú e Portugal. Para além do projecto da Universidade do Porto, Portugal esteve também representado pela Universidade de Coimbra, com o projecto doDOC. 
 
Idealizado pelos empreendedores Carlos Boto, Paulo Melo e Federico Cismondi, o doDOC é um processador de texto online “que formata de forma automática e instantaneamente qualquer documento com apenas um clique”. 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close