Em Destaque Inovação e Tecnologia

“Elfrida” entra em serviço na Noruega

Primeiro barco elétrico do mundo para piscicultura
Versão para impressão
por redação

Na Noruega, acaba de entrar em serviço o primeiro barco para piscicultura totalmente alimentado a baterias. Foi a Siemens que desenvolveu e forneceu o sistema completo de propulsão e de controlo elétrico à empresa local de construção naval Ørnli Slipp.

O barco, de casco duplo, tem cerca de 14 metros de comprimento e oito de largura, e a viagem diária que faz para a incubadora de peixe, a dois quilómetros da costa, leva cerca de 50 minutos. A capacidade da bateria é suficiente para um dia de trabalho normal (cerca de oito horas).

O sistema de propulsão elétrica economiza combustível e reduz os custos operacionais, uma vez que não precisa de tanta manutenção como um motor diesel. Além disso, a ausência de gases de escape, de vibrações e de ruído torna o ambiente de trabalho no “Elfrida” mais ecológico e saudável.

António Carvalho, responsável pelas soluções para a Industria Naval da Siemens em Portugal, diz: “muitas das soluções Siemens utilizadas na Noruega têm aplicação em Portugal, quer no que toca a parte da frota pesqueira, quer no que concerne a alguns transportes marítimos e fluviais. A intenção da Siemens é incentivar cada vez mais a utilização de soluções amigas do ambiente, capazes de gerar poupanças financeiras e ambientais”.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close