Sociedade

“Educação+” ensina jovens a lidar com dinheiro

O projeto de literacia financeira, Educação+, desenvolvido pela Universidade de Aveiro em colaboração com a caixa Geral de Depósitos, pretende contribuir para a formação de consumidores mais informados e conscientes da realidade financeira ao ensinar
Versão para impressão
O projeto de literacia financeira, Educação+, desenvolvido pela
Universidade de Aveiro em colaboração com a caixa Geral de Depósitos,
pretende contribuir para a formação de consumidores mais informados e
conscientes da realidade financeira ao ensinar aos mais novos como lidar
com o dinheiro.

O programa que vai percorrer todo o país destina-se a jovens entre os 7 e os 17 anos, bem como ao público em geral interessado em saber mais sobre este tema. O objetivo é formar pessoas mais confiantes na hora de tomar decisões a nível financeiro.

No âmbito do “Educação+”, “que será em breve apresentado ao Ministério da Educação”, está a ser preparada uma exposição itinerante, que se estreia a 06 de outubro em Águeda e que depois percorrerá outros municípios de norte a sul do país.

A exposição, adianta a UA, será composta por três módulos e os conteúdos desenvolvidos serão apresentados “de forma a dar ênfase à experimentação e ao jogo, como forma de estimular uma possível exploração didática destes temas”.

Também no âmbito deste projeto, está prevista a realização em Lisboa, no dia 28 de setembro, da II Conferência Internacional em Educação Financeira.

“Por uma educação+ financeira” é o tema desta conferência que tem como principais destinatários todos aqueles que nas instituições e empresas exercem actividade nas áreas de formação, social, comunicação e estratégia, desde quadros superiores a vereadores, gestores escolares, professores, formadores e até jornalistas.

“Só consumidores bem capacitados podem fazer escolhas informadas e com segurança, avaliando os riscos e as oportunidades, procurando aconselhamento e informação objetiva, contribuindo assim para o seu bem-estar financeiro, segurança das suas famílias e para o desenvolvimento saudável da economia, baseado num consumo responsável”, conclui a Universidade de Aveiro em comunicado.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close