Ambiente

É possível ter energia limpa para tudo até 2050

A energia necessária para as atividades desenvolvidas em todo o mundo pode ser obtida de uma forma limpa, renovável e economicamente sustentável, até 2050, revela um estudo divulgado pela organização ambientalista WWF.
Versão para impressão
A energia necessária para as atividades desenvolvidas em todo o mundo pode ser obtida de uma forma limpa, renovável e economicamente sustentável, até 2050, revela um estudo divulgado pela organização ambientalista WWF.

Um comunicado da associação ambientalista refere que o Relatório Energia, resultado de dois anos de trabalho, aponta “um novo caminho” ao concluir que “a energia total necessária, incluindo [para] transportes, pode ser obtida de forma segura e adequada”.

O documento “mostra que, em quatro décadas, podemos ter um mundo de economias vibrantes e sociedades alimentadas por energia limpa, barata e renovável e com uma boa qualidade de vida”, defendeu o diretor-geral da WWF, Jim Leape, citado na informação.

Algumas informações apresentadas mostram que o potencial das energias renováveis é muito grande, mas ainda mal aproveitado. Conforme o estudo, se 0,3% da área do deserto do Saara fosse utilizada para a instalação de usinas de energia solar, a energia produzida poderia alimentar toda a Europa. Por outro lado, se 0,1% da energia dos oceanos fosse aproveitada, poderia ser gerada energia para 15 bilhões de pessoas.

Segundo o estudo [elaborado pela WWF, pela empresa de consultoria energética Ecofys e pelo Escritório para Arquitetura Metropolitana], as novas tecnologias atualmente em desenvolvimento, que ainda não são utilizadas nem comercializadas, podem permitir que o percentual de energia renovável chegue a 100%.

Para isso, o relatório recomenda que sejam seguidos dez passos para um “Futuro 100% renovável”:

1) Promover e desenvolver as atuais e as novas fontes de energia renovável;

2) Comercializar e fazer o melhor uso de fontes de energia sustentável em diferentes áreas;

3) Promover práticas domésticas sustentáveis a fim de estimular uma melhor distribuição de energia;

4) Investir em produtos que sejam eficientes e utilizem energia limpa;

5) Não desperdiçar comida;

6) Reduzir, reutilizar e reciclar (os três Rs);

7) Incentivar o uso de transporte público;

8) Desenvolver pesquisas em eficiência energética e energias sustentáveis;

9) Ter certeza de que as energias renováveis são compatíveis com metas ambientais e de desenvolvimento;

10) Estimular acordos e cooperações sobre energias renováveis e de eficiência energética.

De acordo com o relatório, atualmente 1,4 bilhões de pessoas não tem acesso a energia segura. Por outro lado, outros países têm um consumo energético elevadíssimo, o que pode comprometer a utilização de combustíveis fósseis e a própria produção de energia.

“Se todos consumissem a quantidade de energia que um cidadão de Singapura ou dos Estados Unidos utiliza, as reservas mundiais de petróleo esgotariam em nove anos”, diz o estudo.

Leia AQUI o relatório integral da WWF.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close