Mundo

Dissidente chinês manifesta-se no Google +

NULL
Versão para impressão
Conhecido pela sua oposição ao regime chinês, Ai Weiwei, artista plástico chinês, regressa à internet depois de ter sido detido em abril pelas autoridades chinesas que o proibiram de se manifestar nas redes sociais, nomeadamente no Twitter. Weiwei, em liberdade desde o final do mês de junho, criou um perfil na nova rede Google + e publicou várias fotos suas.

Antes de ser detido durante mais de dois meses, Weiwei utilizava a internet para divulgar as suas ideias através do Twitter onde conta com cerca de 90.000 seguidores.

Após a sua libertação, o artista chinês utilizou o Google + para publicar uma mensagem: “Estou aqui, saudações”.  Weiwei não se fica pela mensagem, colocou também uma fotografia sua, onde se lê a legenda: “Aqui está uma prova de vida”. 

Esta é uma grande surpresa, anuncia a CNN, pois consta que Weiwei foi proibido, pelas autoridades chinesas, de se manifestar através das redes sociais – pelo menos as tradicionais como o Twitter – uma condição exigida para a sua libertação.

Para além da mensagem no Google + , Weiwei publicou também uma galeria de fotografias a preto e branco, relativas ao período em que viveu em Nova Iorque, durante as décadas de 80 e 90.

A comunidade que utiliza a nova rede social tomou rapidamente conhecimento desta aparição, e Weiwei conta agora já com cerca de 9.000 seguidores.

Outro dissidente chinês- Isaac Mao – também se adicionou a Weiwei, apelidando este regresso como uma “reencarnação”. “Não tenho conhecimento dos detalhes entre Ai e as autoridades, mas acredito que [Google +] não faz parte do acordo. Não permitem que se manifeste no Twitter, mas não o esperariam lá [Google +]”, sublinhou Isaac Mao à CNN.

Segundo a CNN, esta rede social está inacessível na maior parte do território da China, mas Mao acredita que existem mais de 100 mil chineses a utilizar este serviço.

[Notícia sugerida por Patrícia Guedes]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close