Saúde

Diabetes: Português preside à federação internacional

Pela primeira vez nos mais de 60 anos da instituição, um português vai presidir à Federação Internacional de Diabetes - Região Europa (IDF Europa). João Nabais, de 43 anos, é professor na Universidade de Évora e diabético desde criança.
Versão para impressão
Pela primeira vez nos mais de 60 anos da instituição, um português vai presidir à Federação Internacional de Diabetes – Região Europa (IDF Europa). João Nabais, de 43 anos, é professor na Universidade de Évora e vai assumir formalmente o cargo no próximo domingo, 23 de Setembro.
 
Na Assembleia Geral marcada para esse dia, o até agora presidente-eleito, diabético desde os 12 anos de idade, vai assumir em pleno a função, escolhendo também uma nova equipa de trabalho para os três anos que aí vêm. Embora as prioridades para o próximo triénio estejam ainda por definir, o português assume desde logo alguns compromissos. 
 
“É urgente pôr em prática soluções que impeçam o contínuo aumento do número de pessoas com diabetes tipo 1 ou 2. Por isso, a IDF Europa pretende incrementar uma ligação ainda mais profunda com os nossos membros, as associações nacionais, para que o combate à diabetes seja mais próximo, junto das pessoas que mais precisam”, adianta João Nabais, em comunicado.
 
Além disso, promete, a defesa da causa será também reforçada, tal como a luta contra a discriminação. “É fundamental colocar a diabetes na agenda das instituições europeias, criando uma estratégia concreta para combater uma doença que já afeta cerca de um milhão de portugueses e mais de 32 milhões de cidadãos da UE, quase 10% do total da população dos estados membros”, defende. 
 
João Nabais não esquece igualmente a importância de formar uma nova geração de líderes no combate à diabetes pelo que outra das suas prioridades enquanto presidente da IDF Europa será “fortalecer o Campo Internacional de Jovens Adultos”.
 
Antes da Assembleia Geral da IDF Europa, no dia 22 de Setembro, vai decorrer a Reunião Anual da instituição, que contará com a participação de 130 participantes europeus. Durante o evento, a Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal (APDP) – a mais antiga associação do mundo na luta contra a diabetes – vai apresentar o trabalho que tem desenvolvido e os últimos números da doença em Portugal. 
 
A Federação Internacional da Diabetes – Região Europa representa 62 associações de diabetes, defendendo os direitos de cerca de 32 milhões de pessoas com esta doença.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close