Negócios e Empreendorismo

Depósitos a prazo: Negociar rende 7 vezes mais

NULL
Versão para impressão
A negociação de taxas de juro dos depósitos a prazo pode render sete vezes mais. O estudo, divulgado esta quarta-feira pela Deco e realizado pela Proteste Investe, revela que para um depósito de 25 mil euros pode-se conseguir uma rentabilidade ao fim de 6 meses no valor de 334 euros.

O teste prático e anónimo foi realizado em 20 instituições bancárias da Grande Lisboa. A instituição de defesa do consumidor apurou que o Crédito Agrícola, o Banco Bilbao Vizcaya Argentaria, o Banco BPI, o Banco Popular, o Banif, a CajaDuero, a Novacaixagalicia, a PrivatBank e o Santander Totta são os bancos mais abertos à negociação.

Foi no Crédito Agrícola que a equipa conseguiu uma negociação “sete vezes mais alta do que os 0,6% brutos inscritos no preçário, ou seja, obteve uma taxa de 4 por cento brutos – 3,1 por cento líquidos”.

Em relação aos restantes bancos, “aumentou o rendimento em 0,5 por cento a 2 por cento brutos”.

O Deutsche Bank, o Millennium Bcp, o Montepio e a Caixa Geral de Depósitos só avançam para a negociação quando os valores do depósito são superiores a 50 mil euros.

Contudo, nenhuma das ofertas supera a rentabilidade dos melhores “super depósitos” do Banco Best, do Banco Invest e do Finantia, que pagam 6% brutos a 6 meses (4,7% líquidos).

A Deco alerta que os bancos Barclays e Espírito Santo aproveitam a negociação para promover os seus produtos, como os seguros de capitalização, as obrigações e os depósitos de taxa crescente.

Estes produtos nem sempre se adequam ao perfil do cliente e acabam por confundir quem tem poucos conhecimentos sobre investimentos. “Tanta oferta torna-se ruído”, alerta a publicação.

A Associação de Defesa do Consumidor deixa um aviso para quem tem a data de revisão do seu depósito a prazo a aproximar-se: “Não se deve ceder à primeira oferta do banco e o depositante deve ter uma atitude de análise da concorrência”.

Clique AQUI para aceder ao estudo.

[Notícia sugerida por Vitor Fernandes]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close