Cultura Em Destaque

Dancefloor fez “drop” em Leiria com Borgore e Blasterjaxx

A maior pista da dança do país promete regressar e crescer em 2019, criando a meca nacional do Hardsytle e da EDM
Versão para impressão

 

Ordenadamente, New ÎD, Borgore, Tujamo, Carnage, Blasterjaxx e Audiotricz fizeram as delícias dos festivaleiros que rumaram até Leiria, para poder desfrutar da maior pista de dança deste verão, no seu segundo dia.

O aquecimento fez-se com o evento Be Fit, onde o estádio municipal de Leiria deu lugar a um ginásio ao ar livre, onde, pela manhã, os festivaleiros puderam praticar aulas de Zumba, Body Pump, Body Attack e Cycling.

Depois do produtor holandês New ID, Borgore e os seus “heavy drops” não defraudaram as expetativas dos fãs que se deslocaram de toda a europa para o ouvir. O rei israelita do EDM chegou a Portugal e trouxe os seus polémicos hits ao Dancefloor. O artista tem recebido o tom elogioso da crítica para com a sua “coleção de faixas inquietantes” (Dancing Astronaut) que consolidou esta estrela da EDM como uma força a ter em consideração no palco da cultura eletrónica, tendo já atuado nos maiores eventos do seu género: Tomorrowland, Made In America, Ultra e EDC Las Vegas.

À medida que a noite escalou, foi o Very Special Guest Carnage que tomou o palco do Dancefloor. Apesar de ter recentemente passado por Portugal, o artista conseguiu deter a atenção da audiência e enlouquecer a maior pista de dança do país, nomeadamente com o seu novo álbum “Battered Bruised & Bloody” lançado em abril de 2018 pela Heavyweight Records, de onde se ressalta a sua colaboração com Steve Aoki, no single “Plur Genocide (ft. Lockdown)”.

O segundo dia não se comediu com surpresas, atingindo o epílogo com a dupla sensação holandesa, Blasterjaxx. O primeiro nome anunciado para este segundo dia do Dancefloor fez uma plena mostra do seu setup emblemático e imperdível. Thom e Idir abrilhantaram o estádio de Leiria passando pelos épicos êxitos como “Narco”, “Beautiful World”, “Phoenix”, “All I ever Wanted” e “Savage”, fazendo jus à posição de cabeças de cartaz.

Pelo festival Dancefloor passaram cerca de 15.000 pessoas em dois dias de épico cartaz de música de eletrónica. Em 2019, a organização promete aos fãs de EDM e Hardstyle uma quinta edição com um cartaz igualmente incontornável, perspetivando colocar Portugal no circuito internacional de festivais de música eletrónica.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close