Cultura

Curta: Realizadora portuguesa selecionada para Cannes

A curta-metragem portuguesa 'A Caça Revoluções', da realizadora Margarida Rêgo, foi selecionada para integrar a Quinzena dos Realizadores, em Cannes. A mesma irá decorrer em Maio, paralelamente ao Festival de Cinema daquela cidade do sul de França.
Versão para impressão
A curta-metragem portuguesa 'A Caça Revoluções', da realizadora Margarida Rêgo, foi selecionada para integrar a Quinzena dos Realizadores, em Cannes. A mesma irá decorrer em Maio, paralelamente ao Festival de Cinema daquela cidade do sul de França.
 
Trata-se de uma animação experimental sobre fotografia e é o primeiro filme de Margarida Rêgo. O filme tem como mote a revolução de Abril de 1974, sendo que a ação decorre a partir de uma fotografia tirada naquela altura. 
 
Segundo a sinopse apresentada, a realizadora “tenta entrar nessa fotografia à procura de um país, tal como quem quer entrar dentro de um tempo em que não viveu para perceber o que significa fazer parte de uma revolução ou o que significa lutar por um país”. 
 
É como se “pensasse que poderia agarrar a liberdade se a caçasse”, nos comícios, nas canções e nos poemas. A curta-metragem inclui também sons de manifestações, “vivas pela revolução e uma descrição dos acontecimentos pelo jornalista Adelino Gomes, há quarenta anos”. 

“É um encontro entre dois países, entre duas lutas e entre duas pessoas que procuram a transformação de um país”, acrescenta a sinopse. “É o tentar entrar, transformar e redesenhar sobre um passado, como se dele pudesse tirar vida”. 
 

No final de 'A Caça Revoluções', é possível ler que o filme é dedicado a “todas as pessoas que acreditam na possibilidade de um país diferente”. O mesmo é coproduzido pelo Royal College of Art, onde a realizadora se encontra, atualmente, em formação, na área da comunicação visual. 

Antes de ser exibido na prestigiada Quinzena de Realizadores, a decorrer de 15 a 25 de Maio, em Cannes, a curta integrará a competição do festival IndieLisboa, cujo arranque está marcado para esta quinta-feira. 
 
Criada pela Sociedadade dos Realizadores de Cinema com o objetivo “de descobrir filmes de jovens autores e de distinguir a obra de realizadores conhecidos”, a Quinzena dos Realizadores vai também contar com o filme brasileiro 'Sem Coração', de Tião e Nara Normande.
 
Na secção de longas-metragens, o destaque vai para os filmes de Fredrik Wiseman, Bruno Dumont, Tobe Hooper e John Boorman. 

Notícia sugerida por Elsa Fonseca

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close