Sociedade

Comércio nacional promovido em Xangai

O Pavilhão de Portugal da Expo 2010, a realizar-se em Xangai de maio a outubro, vai contar com um Centro de Negócios para promover contactos empresariais e divulgar produtos e serviços portugueses. Esta é uma ação inédita na história da participação
Versão para impressão
O Pavilhão de Portugal da Expo 2010, a realizar-se em Xangai de maio a
outubro, vai contar com um Centro de Negócios para promover contactos
empresariais e divulgar produtos e serviços portugueses.

Esta é uma ação
inédita na história da participação lusa em exposições universais, para a afirmação de uma “nova e mais ambiciosa relação” entre
Portugal e China, refere o ministro dos Negócios Estrangeiros Luís
Amado.

Num evento onde são esperados cerca de 70 milhões de visitantes – correspondendo os estrangeiros a cinco por cento desse total -, Portugal pretende apresentar-se como “uma praça para o mundo” e “um mundo de energias”, explicou Luís Amado à agência Lusa.

O setor empresarial merece grande destaque, já que “tem de haver mais investimento estratégico do Estado e da administração pública, em estreito relacionamento com as empresas, para que as excelentes relações que temos no plano político criem condições para desenvolver outros interesses”, sublinhou o ministro.

O Pavilhão de Portugal, inteiramente revestido de cortiça, cobre uma área de dois mil metros quadrados e representa “um território de memória e palco de mudanças”, esclareceu o Comissariado geral de Portugal dirigido por Rolando Borges Martins.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close