Saúde

Coimbra inaugura maior centro de sangue da Península

NULL
Versão para impressão

Inaugurou esta sexta-feira, em Coimbra, o maior centro de sangue da Península Ibérica e um dos maiores da Europa. O plasma, que agora é totalmente aproveitado, tem sido uma das chaves do sucesso da instituição.

O presidente do Instituto Português do Sangue, Álvaro Beleza – que em breve passará a pasta a pasta a Hélder Trindade – revelou aos jornalistas que o Centro Regional de Sangue de Coimbra “vai fazer mais de metade das análises do país”, e por isso terá o cariz de um “centro nacional de sangue”.

O responsável adiantou ainda que, no futuro, o país terá quatro centros regionais (Coimbra, Porto, Faro, Lisboa), cada um especializado em sua área, cabendo ao de Lisboa a investigação e desenvolvimento, transplante e histocompatibilidade.

Neste momento Portugal tem um stock nacional de 3.000 unidades de sangue e aproveita, desde junho, todo o plasma recolhido, um passo que Álvaro Beleza considera “muito importante” para o país.

O novo Centro de Regional de Sangue de Coimbra, instalado em S. Martinho do Bispo, Coimbra, próximo do Centro Hospitalar de Coimbra, dispõe de uma área de 4.000 metros quadrados e custou 7 milhões de euros.

Segundo o Correio da Manhã, citando Álvaro Beleza, no ano em curso, a atual gestão do IPS conseguiu “uma poupança de três milhões de euros e um aumento de receitas de um milhão de euros”. Valores que a futura equipa liderada por Hélder Trindade terá de manter.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close