Fitness & Bem-estar

Coimbra: Cor e tradição elogiadas no Huffington Post

A cidade de Coimbra está, esta semana, em destaque no Huffington Post, que publicou, na quarta-feira, um artigo que elogia a cor e tradição que ali prevalecem e coexistem com o ritmo académico e "a mais venerável universidade do País".
Versão para impressão
A cidade de Coimbra está, esta semana, em destaque no Huffington Post, que publicou, na quarta-feira, um artigo que elogia a cor e tradição que ali prevalecem e coexistem com o ritmo académico e “a mais venerável universidade do País”.
 
“Estou a desfrutar da minha visita a Coimbra. A apenas uma hora de Lisboa, Coimbra é uma espécie de Oxford ou Cambridge de Portugal”, começa por escrever Rick Steves, autor da peça que é também apresentador de programas de viagens na rádio e na televisão dos EUA e que já assinou diversos guias sobre destinos europeus. 
 
Partilhando várias fotografias que tirou em Coimbra e que descreve como “pedaços de vida coloridos”, Steves nota que todas as metrópoles europeias parecem ter “um mercado vibrante, onde é possível sentir o pulso” da cidade, e apresenta Coimbra como um exemplo onde  “a cor e o brilho sobrevivem” apesar das restrições de higiene impostas pela União Europeia e que “em muitos casos interferiram com a identidade” dos mercados.
 
“Se gostar de marisco fresco, Portugal é um presente saboroso”, acrescenta o cronista, que, face à abundância do marisco nas águas nacionais, admite alguma estranheza em relação ao facto de a iguaria preferida dos portugueses – o bacalhau –  ser proveniente… da Noruega. 
 
“Talvez o bacalhau esteja no ADN coletivo dos portugueses desde a época em que a sua preservação em sal assegurava a sobrevivência dos marinheiros nos navios há cinco séculos”, especula, realçando que este 'fiel amigo' da população lusitana é um dos produtos mais vendidos no mercado de Coimbra.
 
Rick Steves dá também, naturalmente, no seu artigo, destaque à Universidade de Coimbra, “a principal atração turística da cidade, com uma fantástica biblioteca e uma igualmente fantástica capela”, sugerindo a eventuais turistas que aproveitem a oportunidade de fazer uma refeição na cantina universitária, onde se encontram “os habitantes mais interessantes da cidade e, provavelmente, aqueles que melhor falam inglês”.
 
“Aqui, em Coimbra, a cantina da Universidade recebe os turistas de braços abertos. Durante as alturas de maior movimento, todos os lugares estão ocupados e é provável darmos connosco a almoçar com estudantes de Direito ou os seus professores”, conta o norte-americano.
 
Steves aproveita ainda a ocasião para comentar “as bancas de jornais espalhadas por Portugal”, onde, apesar das reviravoltas na indústria dos media, “há três jornais diários dedicados apenas ao desporto”. 
 
“E, quando dizem 'desporto', querem dizer futebol. Cada jornal dá destaque a uma das grandes equipas portuguesas e muitos dos habitantes locais divertem-se com a forma como as publicações se esforçam para preencher com 'notícias' cada edição diária”, brinca, a propósito de uma fotografia dos três diários desportivos nacionais com a qual encerra o artigo.
 
Clique AQUI para aceder à peça de Rick Steves publicada no Huffington Post (em inglês).

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close