Sociedade

Ciclistas pedalam nus pelo ambiente

Organizada desde 2004 em vários países do mundo, a World Naked Bike Ride (WNBR) chega pela primeira vez a Lisboa, no dia 26 de junho, convidando todos os ciclistas da cidade a pedalarem despidos pela defesa do ambiente e pela redução do tráfego
Versão para impressão
[Fotografia: © Alexis Maryon]

Organizada desde 2004 em vários países do mundo, a World Naked Bike Ride (WNBR) chega pela primeira vez a Lisboa, no dia 26 de junho, convidando todos os ciclistas da cidade a pedalarem despidos pela defesa do ambiente e pela redução do tráfego automóvel. “Vem pedalar o mais nú que conseguires”, é o slogan da iniciativa.

Em declarações à agência Lusa, Pedro dos Santos, promotor da iniciativa, explica que o nudismo é uma “metáfora” para mostrar como os ciclistas são frágeis no trânsito e ressalva que não é obrigatório tirar a roupa para participar no passeio que se vai estender do Parque Eduardo VII até Belém.

A organização pede, no entanto, que as pessoas pintem nos seus corpos mensagens como “menos um carro” e “menos CO2”, promovendo uma maior qualidade de vida nos centros urbanos e a proteção do meio ambiente.

O Governo Civil ainda não emitiu qualquer aprovação para o evento, mas a Federação Portuguesa de Naturismo está otimista, até porque já ocorreram outros eventos com nudistas em Portugal, incluindo a sessão fotográfica de Spencer Tunick.

Sobre a possibilidade de queixas por atentado ao pudor, o organizador referiu à Lusa que esta é uma “manifestação que não quer ofender ninguém” e acredita que não haverá “comportamentos impróprios”.

No Facebook, onde foi criada uma página de apoio à organização da WNBR em Lisboa (aceda aqui), há já mais de 300 apoiantes. “Já era bom se fossem 100 pessoas”, disse Pedro dos Santos.

O evento surgiu em Espanha, por iniciativa do grupo Manifestación Ciclonudista, e no Canadá, com os Artists for Peace. Argentina, Austrália, Brasil, Colômbia, Canadá, Dinamarca, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Japão, Estados Unidos e Tailândia são apenas alguns dos países que já aderiram à WNBR.

[Notícia sugerida pela utilizadora Elsa Martins]

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close