Mundo

Carta de amor entregue 53 anos depois

NULL
Versão para impressão
Uma carta de amor entregue nos correios em 1958 chega, 53 anos depois, ao destinatário. A carta, escrita por uma jovem norte-americana, era dirigida a Clark C Moore, que entretanto mudou de nome para Muhammad Siddeeq. A alteração de nome terá sido o motivo para meio século de espera.

20 de fevereiro de 1958 é, segundo a BBC, a data em que a carta foi entregue nos correios, assinada com “amo-te para sempre, Vonnie”. A remetente era uma jovem norte-americana, “Vonnie”, com quem Clark C Moore (ou Muhammad Siddeeq) namorava na altura.

No entanto, foi só no início deste mês que a correspondência chegou à sala dos correios da Universidade da Califórnia, na Pensilvânia, onde o destinatário era, na altura, um jovem estudante de ciências.

A razão terá sido a mudança de nome do correspondente: Clark C Moore é agora Muhammad Siddeeq, dificultando aos correios a tarefa de o encontrar.
Siddeeq acabou por casar com “Vonnie”, com quem teve quatro filhos.

Agora, tem 74 anos e é divorciado mas, segundo a BBC, está ansioso por ler a carta.

Nos próximos dias a carta, entregue na universidade, deverá chegar ao destinatário que, ironicamente, disse que se “nos próximos 53 anos não receber a carta irá apresentar uma queixa”.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close