Ambiente

Carros elétricos: Gaia tem abastecimento rápido

A cidade de Vila Nova de Gaia já tem o primeiro centro de abastecimento rápido para carros elétricos. Em 10 minutos é possível garantir uma autonomia para 60 quilómetros.
Versão para impressão
A cidade de Vila Nova de Gaia já tem o primeiro centro de abastecimento rápido para carros elétricos. Em 10 minutos é possível garantir uma autonomia para 60 quilómetros.

Vila Nova de Gaia tornou-se esta quinta-feira o primeiro município do país a ter uma bomba de abastecimento rápido de veículos eléctricos onde é possível, em apenas 10 minutos, carregar um destes automóveis com energia para 60 quilómetros.

“É um primeiro passo. A Câmara de Gaia já tinha anunciado a sua intenção de dar passos muito firmes no sentido de criar no município um modelo de sustentabilidade no que diz respeito ao ambiente e a questão da mobilidade é um factor fundamental”, salientou Marco António Costa, o vice-presidente da autarquia, durante a cerimónia de inauguração do primeiro posto situado em Vilar do Andorinho, junto à EN222.

A bomba de abastecimento é o primeiro centro auto-eléctrico da Prio Energy (participada do grupo Martifer) e está equipada com uma tecnologia inovadora de carregamento Fast Charge Drive Through, cujo desenvolvimento contou com a participação da Universidade de Aveiro.

“Já existem em muitas cidades pontos de carregamento, mas aquilo que vamos ter agora aqui é uma ilha de carregamento rápido (Fast Charge), com sistema de drive trhough, isto é de passagem”, explicou Belmiro Torres Couto, gestor de projetos do veículo eléctrico na Prio e administrador da Park Charge.

Nos pontos de carregamento rápido (com energia verde e emissões zero) será possível em 10 minutos “carregar [um veículo eléctrico] com 10kw/hora o que permite andar, pelo menos, 60 quilómetros”, destacou. O gestor da Prio salientou que, apesar de ser “um pouco mais caro”, o consumo fica muito mais barato porque o preço da energia é 10% mais barata.

100 postos rápidos para o resto do país

O administrador adiantou que a “Prio Energy tem já um plano de expansão nacional através da sua empresa operadora Park Charge” que a nível nacional irá instalar cerca de “100 pontos de carregamento distribuídos por superfícies comerciais, áreas de serviço, edifícios de escritórios, condomínios e residenciais”.

O plano de expansão, já em curso, irá resultar num investimento de “cerca de cinco milhões de euros na tecnologia de carregamentos” até ao final do ano.

Também hoje a Prio Energy entregou à Câmara de Gaia quatro veículos eléctricos, no âmbito de um protocolo assinado durante o verão entre as duas entidades e que faz parte da “intenção da autarquia em ser a primeira com uma frota” deste tipo de automóveis.

Os quatro veículos serão “colocados num serviço permanente de táxi interno que faz o transporte de funcionários municipais dentro do espaço territorial [de Gaia]”, explicou o autarca Marco António Costa.

O vice-presidente recordou que Gaia foi um dos seis municípios europeus seleccionados para a apresentação de um plano de sustentabilidade “que poderá orçar num investimento global de 78 ME” e prevê a “introdução de transporte eléctricos para utilização coletiva”.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close