Ambiente

Caparica: Linha de costa será reforçada

Apesar de o Instituto da Água (INAG) ter referido, em maio, que este ano não seria necessário intervir na Costa de Caparica para alimentar artificialmente as praias, a mesma entidade veio agora confirmar que vai fazer uma "intervenção pontual de refo
Versão para impressão
Apesar de o Instituto da Água (INAG) ter referido, em maio, que este ano não seria necessário intervir na Costa de Caparica para alimentar artificialmente as praias, a mesma entidade veio agora confirmar que vai fazer uma “intervenção pontual de reforço da estabilidade” na linha de costa.

O INAG está ainda a equacionar a forma e a tipologia adequadas para a operação, mas admite que esta possa ser realizada ainda este ano.

De acordo com fonte do INAG, citada pela agência Lusa, a decisão foi tomada no seguimento do trabalho de monitorização das intervenções e de acompanhamento da evolução do grau de proteção da costa que o instituto tem desenvolvido com a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

Recorde-se que em junho, numa sessão pública de esclarecimento, o INAG referiu os motivos pelos quais não iria proceder a uma nova intervenção nas praias da Costa: “Em maio de 2010, não houve alimentação artificial e o sistema acumulou 720 mil metros cúbicos”, afirmou então António Rodrigues, engenheiro do INAG.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close