Sociedade

Campanha convida a trocar papel por alimentos

A cidade de Guimarães volta a pedir aos habitantes que recolham e reciclem papel, numa ação solidária que converte o papel recolhido em bens alimentares para instituições de apoio social.
Versão para impressão
A Federação dos Bancos Alimentares volta a pedir aos portugueses que recolham e reciclem papel, numa ação solidária que converte o papel recolhido em bens alimentares para instituições de apoio social. 
 
Para participar, os interessados devem dirigir-se às escolas, universidades, empresas e Instituições de Solidariedade Social que aderiram à campanha e onde foram colocados sacos de grandes dimensões (big bags) para depositar o papel – jornais, revistas, folhetos, entre outros.
 
Por cada tonelada de papel recolhido será entregue aos Bancos Alimentares Contra a Fome o equivalente a 70 euros em produtos alimentares básicos, como arroz, massa ou azeite.

Desde a primeira campanha "Papel por Alimentos", lançada em 2012, já foram recolhidas mais de 11 milhões de toneladas de papel.

Notícia sugerida por António Resende

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close