Sociedade

Cadeia de vestuário lança coleção de roupa reciclada

A cadeia de vestuário sueca H&M prepara-se para lançar no mercado, em Fevereiro, uma nova coleção, criada a partir de roupa reciclada. Depois da campanha de recolha de roupa promovida em Fevereiro de 2013, a marca pegou no vestuário angariado, recicl
Versão para impressão
A cadeia de vestuário sueca H&M prepara-se para lançar no mercado, em Fevereiro, uma nova coleção, criada a partir de roupa reciclada. Depois da campanha de recolha de roupa promovida em Fevereiro de 2013, a marca pegou no vestuário angariado, reciclou-o e desenvolveu uma linha de produtos feitos a partir do mesmo. 
 
A coleção consiste num total de cinco peças clássicas denim, produzidas a partir de algodão reciclado. Para já, os novos tecidos contam com 20% de material reciclado, que corresponde à quantidade máxima que pode ser incorporada nos novos tecidos, sem que a sua integridade fique comprometida. 
 
Ainda assim, o objetivo da marca sueca é aumentar progressivamente o uso de materiais reciclados e, como tal, reforçar a sua “dedicação à sustentabilidade e maneira de tornar a utilização de têxteis num ciclo”.

Citado pelo Ecouterre, Jon Loman, designer responsável pelas peças de vestuário recicladas, refere que “a tendência de trabalhar com tecidos reciclados está a aumentar cada vez mais” e, como tal, os designers fazem questão de trabalhar com as últimas tendências e desenvolvimentos. 
 

“Todos os anos, há um sem número de toneladas de têxteis a serem largadas no lixo e a acabar em aterros sanitários. No entanto, 95% das roupas podem ser utilizadas novamente, quer através da sua reutilização quer da sua reciclagem”, escreve a empresa em comunicado. 
 
Para contornar estes factos, a H&M decidiu tornar-se a primeira marca de moda do mundo a lançar uma campanha de recolha de roupa nos 53 mercados em que, atualmente, marca presença, com o objetivo de, mais tarde, criar a sua primeira linha de vestuário reciclado. 
 
“É bom fazer algo em que tanto a marca como os consumidores acreditam e que, além disso, beneficia o ambiente”, acrescenta Jon Loman. As primeiras peças estão previstas chegar às lojas já em Fevereiro.

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close