Saúde

Brócolos têm propriedades contra o cancro

Três a cinco doses semanais de brócolos são o suficiente para um efeito anti-cancerígeno na saúde, de acordo com uma investigação liderada por cientistas norte-americanos da Universidade do Illinois.
Versão para impressão
Três a cinco doses semanais de brócolos são o suficiente para um efeito anti-cancerígeno na saúde, de acordo com uma investigação liderada por cientistas norte-americanos da Universidade do Illinois.

De acordo com os especialistas, o sulforafano é o grande responsável pelo efeito protetor dos brócolos contra o desenvolvimento de tumores. Essa substância é libertada do composto glucorafanina pela ação de bactérias na parte inferior do intestino, e absorvida pelo corpo.

“Essa descoberta aumenta a possibilidade de sermos capazes de potencializar a atividade dessas bactérias no cólon, aumentando o poder dos brócolos na prevenção do cancro”, escreveram os autores na revista Food & Function.

Os investigadores provaram a teoria injectando, no intestino de ratos, a glucorafanina, e constataram a presença de uma quantidade significativa de sulforafano no sangue de uma veia que flui do intestino para o fígado.

“A presença de sulforafano em quantidade mensurável mostra que este está a ser convertido no intestino delgado e está disponível para a absorção no organismo”, explicou a cientista Elizabeth Jeffery.

Os cientistas alertam, contudo, que mais estudos são necessários para a confirmação deste mecanismo de proteção dos brócolos contra o cancro.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close